Dias de Inauguração - Brotéria

Coisas para fazer
Brotéria
Duarte Drago

A Time Out diz

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme se os eventos continuam agendados.

No dia 23, a casa abre às 18.00 e a partir daí é possível viver o palácio tal como ele é. Às 19.30, acontece o primeiro momento da programação com uma mesa redonda – “Trabalhar em 20/20, Uberização do trabalho à luz da realidade portuguesa”, sobre as relações laborais na era digital. O padre Manuel Cardoso SJ (Brotéria), a jornalista Ana Carrilho (Renascença) e Paulo Pereira da Silva (CEO da Renova) têm a palavra. O segundo dia, 24, arranca às 13.30 com Máquina Mágica, um momento entregue ao músico  brasileiro Doménico Lancelotti, que vai animar o almoço no Café Brotéria pondo música no pátio, onde haverá também uma performance. Às 18.30, há debate sobre “Tradição, as mulheres e a cidade: novos desafios da Igreja portuguesa”, com o padre Francisco Mota, a professora de Filosofia Moderna Maria Luísa Ribeiro Ferreira e o jornalista Carlos Quevedo. A festa segue com um brinde à nova edição de Janeiro da Brotéria, agora com design dos Non-verbal Club (19.30). O dia termina com o fado de Rodrigo Rebelo de Andrade (20.00). No dia 25, o dia começa “Entre o deserto e o jardim”, com uma proposta de meditação com o padre Vasco Pinto de Magalhães, partindo das fotografias de José Miguel Matias do deserto do Getsêmane e do Jardim das Oliveiras, em Jerusalém (11.00). Às 18.30, a galeria abre as portas para receber a exposição “Todas as coisas”, que mostra a evolução da Brotéria de revista de ciências naturais a revista de cultura contemporânea com material de arquivo de mais de 100 anos de publicação. Para rematar, há DJ set de Bill Onair (19.30).

Detalhes

Também poderá gostar