A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Michael Ackerman
©Michael AckermanR and J 2014 de Michael Ackerman

Seis ideias para aproveitar o feriado de 1 de Novembro no Porto

Precisa de uma folga? Então esta lista, com seis ideias para aproveitar o feriado de 1 de Novembro no Porto, é para si

Escrito por
Patrícia Santos
Publicidade

Se não quer desperdiçar o feriado entre quatro paredes, chegou ao sítio certo. Aqui encontra seis ideias para aproveitar o feriado de 1 de Novembro no Porto. Temos sugestões para todos os gostos, que vão de exposições para admirar, a peças de teatro para bater palmas, ou jogos interactivos que o ajudam a descobrir os recantos desta bela cidade. Agora, só tem de decidir se quer passar o dia sozinho ou acompanhado e escolher as actividades que não pode perder. A Invicta está cheia de coisas boas para lhe oferecer. Aproveite.

Recomendado: Guia para um fim-de-semana perfeito no Porto

Seis ideias para aproveitar o feriado de 1 de Novembro no Porto

  • Teatro
  • Baixa

A peça de teatro A vida do grande D. Quixote de la Mancha e do Gordo Sancho Pança, inspirada neste clássico da literatura, que foi escrita em 1733 pelo dramaturgo António José da Silva, vai estar em cena no Palácio do Bolhão até 24 de Novembro. Kuniaki Ida é o responsável pela encenação da obra, que “narra as aventuras deste cavaleiro que transforma constantemente o real: imagina guerreiros, imagina batalhas, imagina uma amada…”, sempre acompanhado pelo seu fiel companheiro Sancho Pança. Paulo Calatré e António Capelo foram os actores escolhidos para dar vida às personagens. A sessão está marcada para as 19.00 e o bilhete normal custa 10€. Mais informações aqui.

Mais para fazer no Porto

  • Coisas para fazer
  • Caminhadas e passeios

O Porto está particularmente bem servido neste departamento. Sim, não nos poupamos de elogios à cidade. Do Parque de Serralves ao Jardim das Virtudes, é difícil cansarmo-nos dos espaços verdes espalhados um pouco por todo o lado.

  • Restaurantes
  • Vegetariano

Não, no Porto não existe só comida pesada, e os espaços que dão primazia ao reino vegetal têm-se multiplicado e têm clientes cada vez mais fiéis. Há pratos vegetarianos, opções vegan e menus que respeitam a sazonalidade dos ingredientes, muitas vezes de origem biológica ou de pequenos produtores locais.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade