Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Rebentos da quarentena: os novos projectos gastronómicos
Whatacookie
© DR Whatacookie

Rebentos da quarentena: os novos projectos gastronómicos

A pandemia não afectou a criatividade. Durante a quarentena, nasceram negócios ligados à restauração que vale a pena provar.

Por Teresa Castro Viana
Publicidade

Da necessidade nasceu o engenho. Em caso de emergência, houve quem visse na pandemia um bom incentivo para tirar projectos da gaveta, dar asas à criatividade e ao empreendedorismo. Fechadas em casa, algumas pessoas apuraram os sentidos, vestiram o avental e arregaçaram as mangas. Fizeram bolachas caseiras de limão, gengibre e laranja, almôndegas, molho de tomate, massa fresca, pão de fermentação natural, manteiga temperada, cerveja artesanal, comida tradicional portuguesa e gastronomia internacional, lançando novos negócios para animar as nossas mesas. Apresentamos os rebentos gastronómicos que viram a luz em tempos poucos luminosos.

Recomendado: Os melhores restaurantes de comida tradicional no Porto

 

Rebentos da quarentena:

Eu Fiz Pão
Eu Fiz Pão
© DR

Eu Fiz Pão

A paixão pelo pão era antiga, mas foi na quarentena que Marina começou a dedicar-se de forma mais profissional. Com farinhas moídas em mó de pedra e ingredientes de qualidade, faz pães (a partir de 2,50€) como o semi-integral ou o 100% integral. Como se não bastasse, ainda faz cookies e rolinhos de canela. Para encomendar, basta ir à página de Instagram.

Só Doces
Só Doces
© DR

Só Doces

As bolachas (a partir de 1,20€) são as estrelas da companhia, mas aqui também pode encomendar brownies (a partir de 12€) e banoffee pie (16€). As encomendas devem ser feitas através do Instagram e as entregas acontecem às terças, quintas e sábados, no Porto, Matosinhos, Maia, Gaia e Espinho. Às sextas vão a Penafiel e ao concelho de Santa Maria da Feira.

 

Publicidade
Whatacookie
Whatacookie
© DR

Whatacookie!

As cookies da Levain Bakery, uma meca em Nova Iorque, serviram de inspiração para a criação destas, lançadas durante a pandemia. Há cinco sabores de bolachas de 170 gramas – Chips & nuts, Dark almond, Raisin & oats, Ruby coconut e Vegan chips – e uma novidade lançada este Outono, o WhataBrownie!, que combina cookie, oreo e brownie no mesmo doce. As encomendas podem ser feitas por WhatsApp ou Instagram e há envios para todo o país. Para o início do próximo ano está planeada a abertura de uma loja no centro do Porto.

Preço: 4€. 93 722 9579

Da Hora Pão de Queijo
Da Hora Pão de Queijo
© DR

Da Hora Pão de Queijo

Foi em Abril, em plena quarentena, que este projecto começou a ganhar vida. A receita é adaptada de uma receita de família. Os pães de queijo são vendidos em pacotes de 270 gramas com 15 unidades congeladas por 4,50€ e duram dois meses no congelador. As entregas funcionam todos os dias, até às 18.00, sem taxas na Área Metropolitana do Porto.

Publicidade
Larica do Porto
Larica do Porto
© DR

Larica do Porto

Naturais do Rio de Janeiro, Camile e Giovanna não são novas nas andanças dos doces. Vieram para Portugal e na quarentena tiveram a ideia de lançar a Larica do Porto. Fazem brigadeiros (há sabores como paçoca, churros ou chocolate branco, entre outros), a 3,70€/caixa com seis unidades, e palha italiana, uma espécie de salame de chocolate com brigadeiro (1,60€).

Banana pudding da NA NA MA
Banana pudding da NA NA MA
© DR

NA NA MA

A textura está ali entre uma mousse e um gelado. O banana pudding é um "creme aveludado de baunilha com fatias de banana e bolachas", como explica Carolina Oliveira, mentora do NA NA MA. "Conheci este doce em Nova Iorque e um dia testei uma receita em casa". A coisa correu bem e, em plena pandemia, criou o design dos rótulos, comprou as embalagens e começou a vender. Hoje há três sabores disponíveis, em dois tamanhos diferentes (clássico, Nutella e o especial do mês, que actualmente é de speculoos com cookie butter). Os preços começam nos 6€ e as entregas são feitas em Vila Nova de Gaia, Porto, Matosinhos e Maia. As encomendas podem ser feitas via Instagram ou Facebook.

Publicidade
Pão, Pão de Fermentação natural, Farro
Pão, Pão de Fermentação natural, Farro
©DR

Farro

Foi com a missão de “vender saúde” que João Figueira da Silva lançou a Farro, uma das novas marcas de pão de fermentação natural da cidade. A quarentena permitiu que o projecto, que já era um “pequeno sonho”, ganhasse vida. E assim foi. No rol de produtos, há pão de trigo e centeio (3€), broa de milho (3,50€) e bolo do caco (3€), todos de fermentação lenta. Por aqui também encontra manteiga temperada (1€), perfeita para barrar nos pães ainda quentes.

farropadaria.wixsite.com/farro / 96 661 7195

Voltar - Homemade Food
Voltar - Homemade Food
© DR

Voltar - Homemade Food

Inês Figueiredo criou, durante a quarentena, um negócio de entrega de refeições caseiras e outros complementos. Ribs de porco, lasanha à bolonhesa, amêijoas à Bulhão Pato e banana bread são algumas das coisas que pode pedir para almoço/jantar ou pequeno-almoço/lanche. As entregas são feitas todos os dias no Porto, Santa Maria da Feira, Espinho e Esmoriz e as encomendas devem ser feitas através do Instagram.

Publicidade
Cookies da Zazá
Cookies da Zazá
© DR

Cookies da Zazá

Zaira Bosco tinha o sonho de fazer cookies. Realizou-o no período de quarentena quando lançou o projecto Cookies da Zazá. Há 13 sabores disponíveis como o YEP, com massa de limão e chocolate branco; e o YOLO, com chocolate negro e avelã. Os preços começam nos 6€ e as encomendas podem ser feitas através do site ou do Instagram.

Doces, Bolachas, X-Chips
Doces, Bolachas, X-Chips
©DR

X-Chips

Num domingo de Páscoa atípico, “com menos família e menos doces”, Marta van Zeller e a irmã Madalena decidiram fazer umas bolachas. Como a quantidade era enorme, anunciaram a venda de algumas no Facebook e a coisa correu bem. Neste momento, há bolachas de limão (3€/frasco), gengibre e laranja (3,50€/ frasco) e cerveja artesanal (5€/frasco). As encomendas devem ser feitas pelo Instagram ou email e as entregas podem ter um custo, dependendo do local.

instagram.com/xchipsporto / xchipsporto@gmail.com

Publicidade
Comer, Big Balls, Almôndegas
Comer, Big Balls, Almôndegas
©Sebastião Guimarães

Big Balls

Mário Gomes desenvolveu a receita e a imagem gráfica, e é o responsável pela confecção das almôndegas de carne, da massa fresca e do molho de tomate – tudo sempre feito no dia. Mas foi a namorada, Tatiana Guimarães, que teve a ideia de transformar tudo isto num negócio. Foi também ela que criou a receita das almôndegas vegetarianas, feitas com beringela, cogumelos frescos e flocos de aveia. Cada pack é individual, custa 10€, e inclui massa fresca, molho e almôndegas.

instagram.com/bigballs_food

Mais para comer:

Pão com sementes de sésamo e papoila do Pão da Terra
© Marco Duarte

O melhor pão de fermentação lenta no Porto

Restaurantes Padarias

Fermenta lenta, lentamente. Farinha, água e sal: são estes os ingredientes indispensáveis para fazer um bom pão. E junte-se tempo, já que uma fermentação lenta dá origem a um pão mais saudável e saboroso. Fomos sondar as padarias artesanais da cidade e provar o pão de antigamente feito nos dias de hoje. Pelas ruas da Invicta há opções para todos os gostos: simples, de arroz, de centeio, de trigo e outros mais elaborados, com sementes, abóbora, nozes, alfarroba ou alecrim. Prepare a manteiga e as compotas e passe os olhos por esta lista que lhe diz onde encontrar o melhor pão de fermentação lenta no Porto.  Recomendado: Queijarias com entregas e take-away no Porto  

Lessa
© Marco Duarte

80 restaurantes do Porto com entregas ou take-away

Restaurantes

Depois do fecho das portas dos teatros e museus municipais e do cancelamento de eventos que estavam marcados para os próximos tempos no Porto, os restaurantes começaram também a encerrar temporariamente ao público, de forma a combater a propagação do surto de Covid-19. Mas isso não significa que não possa devorar os pratos dos seus restaurantes favoritos em casa. Nesta lista encontra espaços que fecharam temporariamente mas funcionam com take-away ou entregas ao domicílio, para que possa continuar a conhecer o que de melhor se faz na cidade no conforto da sua casa. Recomendado: Os melhores take-aways no Porto  

Publicidade
Queijaria do Almada
© João Saramago

Queijarias com entregas e take-away no Porto

Compras Queijarias

Para os fãs de queijo, uma ida ao supermercado não costuma ser suficiente para satisfazer as necessidades. Muitas vezes, por falta de opções. Se faz parte desse grupo, esta lista de queijarias com entregas e take-away no Porto vai dar-lhe o ânimo que precisa para enfrentar estes dias mais difíceis. Em qualquer uma delas vai encontrar referências nacionais, como o Granja dos Moinhos ou o queijo da Serra, mas também variedades de outros cantos do mundo, de Espanha a França, passando pelos Países Baixos ou Itália. Para acompanhar os queijos, nada melhor que pão de fermentação natural e vinho. Recomendado: Brunches com take-away e entregas no Porto  

Baronesa às Claras
© António Leal

Bolos com take-away e entregas no Porto

Compras Chocolates e doces

Às vezes, o que precisamos é mesmo de uma garfada numa grande fatia de bolo. Se anda com vontade de adoçar a vida nestes dias de confinamento, tome nota dos melhores bolos com take-away e entregas no Porto. Seja para comemorar um aniversário ou só para matar a gula, corra já a encomendá-los – mais tarde, preocupe-se em correr para os abater. Se quiser, pode aproveitar o lanço para encher o congelador com gelados ou mandar vir o seu brunch preferido para devorar no próximo fim-de-semana. Ninguém o julga, acredite. Recomendado: Restaurantes do Porto com entregas ou take-away  

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade