GAS

Música
gas narkopop
© Veronika Unland

Quando era um rapaz, Wolfgang Voigt explorava um mato nos arredores da sua cidade natal Colónia. Fazia-lo banhado em LSD, a sua droga de eleição, e aquela que fez nascer este seu alter-ego mais ambiental: GAS. Um dos pilares da lendária editora Kompakt é uma referência obrigatória no techno alemão e mundial, um dos senhores das pistas que aqui se desloca até à floresta. É uma electrónica naturista, como se as árvores fossem todas sair à noite e a coisa amenizasse. Vem ao Maria Matos apresentar Narkopop, disco editado este ano depois de um interregno de dezasseis. Vale bem a pena.

Por Editores da Time Out Lisboa

Publicado:

LiveReviews|0
1 person listening