Simpósio Sangue na Guelra

Restaurantes
Simpósio Sangue na Guelra

Em 2018 o Sangue na Guelra é dedicado ao activismo gastronómico e traz a Lisboa chefs internacionais como Alex Atala

Na edição de 2017, o simpósio Sangue na Guelra marcou a sua posição com a escrita de um manifesto pela cozinha portuguesa e a relação com os produtos. Em 2018 vai entregar-se completamente ao activismo através da gastronomia: o tema do Sangue na Guelra é cooktivism e vai contar com um dos nomes indispensáveis nesta área. Alex Atala é o chef brasileiro que defende a valorização da gastronomia característica de pequenas comunidades como forma de as apoiar e proteger, que chama a atenção para a presença constante da morte na cozinha e que serve insectos nos seu restaurante estrelado em São Paulo, o D.O.M.. Tem palestra marcada para as 16.30, na Gare Marítima de Alcântara, no mesmo dia em que falam Douglas McMaster, chef do londrino Silo, ou Bo Songvisava e Dylan Jones, chefs do tailandês Bo.Lan.

O almoço, com o nome Symposium Redux, estará a cargo de Manuel Liebaut do I+D do LOCO, Luís Gaspar, Chefe Cozinheiro do Ano 2017 e chef da Sala de Corte, e Carlos Mateus do Avenida SushiCafé.

Publicado:

LiveReviews|0
1 person listening