A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Porto
© David Tapia / Unsplash

Dez eventos para celebrar o Dia da Mulher no Porto

Museus com entrada livre, exposições dedicadas a mulheres e actividades desportivas gratuitas são algumas das formas de assinalar o Dia da Mulher, celebrado a 8 de Março.

Escrito por
Ana Patrícia Silva
Publicidade

O Dia Internacional da Mulher, oficializado pelas Nações Unidas em 1975, é assinalado todos os anos a 8 de Março, de forma a reconhecer e a celebrar a importância e o contributo das mulheres na sociedade. No Porto, são várias as iniciativas que marcam esta data. Desde exposições que dão destaque ao olhar feminino, mostras que celebram as mulheres do rock português, entradas livres em museus e actividades desportivas gratuitas, são vários os eventos criados à volta desta data.

Recomendado: Cinco mulheres marcantes da história do Porto

Dia da Mulher no Porto

Entrada gratuita em museus
© Rui Pinheiro / MNSR

1. Entrada gratuita em museus

Por todo o país, são vários os monumentos e museus que oferecem entrada livre a todas as visitantes do género feminino (nacionais e estrangeiras) no dia 8 de Março. Entre eles, estão os 25 monumentos e museus geridos pela Direcção-Geral do Património Cultural – consulte aqui a lista. No Porto, pode visitar gratuitamente o Museu do Carro Eléctrico e o Museu Nacional de Soares dos Reis. No Museu do FC Porto, há um desconto de 50% no preço do bilhete.

  • Arte
  • Fotografia

O Centro Português de Fotografia apresenta uma exposição de produção própria que pretende homenagear as mulheres fotógrafas representadas na Colecção Nacional de Fotografia. São mulheres que contribuíram para a excelência da narrativa fotográfica e romperam com os conceitos pré-concebidos de uma profissão dominada pelos homens.

Publicidade
  • Arte

Desde o pós-25 de Abril à actualidade, esta exposição é uma homenagem às mulheres do rock português. A sua história é contada através de discos, roupas, adereços, rabiscos de letras, pautas e instrumentos, entre outros objectos marcantes. Dos nomes históricos aos emergentes, poderá conhecer melhor Ana da Silva (The Raincoats), Anabela Duarte (Mler Ife Dada), Ana Deus (Três Tristes Tigres), Xana (Rádio Macau), Manuela Azevedo (Clã), Cláudia Guerreiro (Linda Martini), Sandra Baptista (Sitiados), Carolina Brandão (Sunflowers) e Lena D’Água, entre outras. A exposição inaugura a 9 de Março na Casa Comum da U.Porto, com entrada livre.

Marcha do Dia Internacional das Mulheres
© DR

4. Marcha do Dia Internacional das Mulheres

No dia 8 de Março, milhares de pessoas vão sair às ruas, em várias cidades do país, para a Marcha do Dia Internacional das Mulheres. No Porto, a concentração está marcada para as 18.30 na Praça dos Poveiros, seguindo pela Rua de Santa Catarina e Sá da Bandeira até à Avenida dos Aliados, onde serão lidos os manifestos das associações que apoiam a iniciativa – entre elas, estarão organizações feministas, de defesa dos Direitos Humanos, anti-racistas, LGBTQI+, de imigrantes, ambientalistas, de combate à pobreza e precariedade, da área da saúde e sindicatos.

Publicidade
  • Arte
  • Digital e interactivo

“Frida Kahlo, A Vida de um Ícone” é a nova experiência imersiva e interactiva da Immersivus Gallery, um convite para conhecer ao pormenor uma das artistas mais influentes de todos os tempos. A partir de 10 de Março, na Alfândega do Porto, vai poder descobrir a biografia da artista mexicana com recurso a colecções de fotografias históricas, filmes originais, instalações artísticas e música, que vão reproduzir os momentos mais relevantes da sua vida. Nas telas, Frida retratava as feridas e a força feminina. Não amuralhava o sofrimento – as dores derivadas das doenças, das paixões demolidoras e das infidelidades eram extravasadas em flores e cores vibrantes. O espírito revolucionário, a intensa busca pela liberdade e o amor pela cultura mexicana cruzavam-se com o universo íntimo. Hoje, 68 anos após a sua morte, os ideais que defendia, os quadros que pintava e a intensidade com que vivia continuam a apaixonar-nos.

Mulheres Todos os Dias
© DR

6. Mulheres Todos os Dias

Nesta exposição sobre o Sindicato do Serviço Doméstico em Portugal, procura-se reconstituir a história de uma mobilização que, entre o período anterior ao 25 de Abril e até 1991, traz para a linha da frente mais de 6000 trabalhadoras do serviço doméstico sindicalizadas. É uma história contada a partir da reprodução dos documentos do arquivo da CGTP, de registos audiovisuais do arquivo da RTP e de documentos originais do arquivo da dirigente do sindicato Conceição Ramos e da formadora de dirigentes e cooperadora Godelieve Meersschaert. Para ver na Galeria Geraldes da Silva (Rua Santo Ildefonso), com entrada livre, até 8 de Março, no seguinte horário: 10.00-13.00 e 14.40-18.00.

 

Publicidade
Mulheres de Papel
© DR

7. Mulheres de Papel

De 8 de Março a 9 de Junho, o Arquivo Distrital do Porto (Rua das Taipas, 90) apresenta uma pequena mostra documental alusiva a alguns dos muitos papéis da mulher ao longo da História. Desde as mulheres de poder, proprietárias ou detentoras do conhecimento, até às trabalhadoras e às que queriam conciliar o casamento e o trabalho, serão expostos cerca de 20 documentos com 20 histórias únicas e pessoais. A documentação ficará patente ao público presencialmente e online.

  • Música

"Cassandra" foi escrita a partir da reinterpretação do mito grego pela escritora feminista Christa Wolf. Foi ela quem escolheu os excertos que estão na base da peça de Michael Jarrell: palavras imersas no fluxo musical, nunca cantadas mas faladas, que olham para o papel da mulher na história e reflectem sobre o propósito das guerras. Este concerto do Remix Ensemble acontece a 8 de Março, às 19.30, na Casa da Música, com a participação da premiada actriz Leonor Silveira.

Publicidade
Actividades desportivas gratuitas
© Jonathan Borba

9. Actividades desportivas gratuitas

O Centro de Desporto da Universidade do Porto vai assinalar o Dia da Mulher com um programa alargado de actividades desportivas. Os eventos arrancam no dia 7 de Março com uma mega sessão de Workout (19.30) e de Hidroginástica (19.00), ambas na Faculdade de Desporto. Já para o CDUP-Boa Hora estão agendadas uma mega-aula de Zumba (19.20) e sessões de avaliação nutricional, entre as 14.00 e as 18.00. No dia 8 de Março arranca o Curso de Defesa Pessoal para Mulheres e na Faculdade de Desporto todas as mulheres vão poder experimentar uma mega aula de Zumba (18.45) e fazer avaliações nutricionais (16.00-20.00). No CDUP-Boa Hora, a proposta inclui uma aula especial Local (19.20). À excepção do curso de defesa pessoal, todos os eventos são de participação gratuita. Basta aparecer.

  • Restaurantes
  • Salas de chá
  • Galerias
  • preço 1 de 4

Para assinalar o Dia da Mulher, a Miss Pavlova criou uma colecção especial para celebrar as mulheres e as suas conquistas. As caixas de macarons e bolachinhas estão decoradas com ilustrações de Solange Costa, com quatro opções: Sabedoria, Força, Sensibilidade ou Alegria. Pode comprá-las na loja da Rua do Almada ou online.

Publicidade
  • Coisas para fazer

Por todo o lado, são os homens que se vêem mais representados na arte pública, entre estátuas, monumentos ou memoriais. Mas a história portuguesa também está representada no feminino, com mulheres que marcaram o seu tempo. Das artes à política, algumas destas mulheres mereceram homenagem nas ruas da cidade do Porto. Conheça aqui algumas das estátuas da cidade que as celebram.

Mais coisas para fazer no Porto

Publicidade
Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade