A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Cães
Fotografia de Camilo Fierro / Unsplash

Os melhores sítios pet-friendly no Porto

Sair de casa com o seu animal de estimação não tem de ser uma dor de cabeça. Conheça os melhores sítios pet-friendly no Porto.

Escrito por
Editores da Time Out Porto
Publicidade

Sair de casa com o seu animal de estimação não tem de ser uma dor de cabeça. Espaços abertos, como parques, jardins ou esplanadas, são uma boa opção para passear e aproveitar os dias de sol, mas desde que entrou em vigor a lei que permite a entrada dos nossos melhores amigos em restaurantes, os sítios pet-friendly têm vindo a aumentar. Passar a noite num hotel, abastecer a despensa ou o armário, almoçar e jantar num restaurante, passear ou estender a toalha na praia, sempre com o seu fiel amigo ao lado, são bons planos. Se precisa de mais ideias de coisas para fazer, espreite esta lista com os melhores sítios pet-friendly no Porto.

Recomendado: Os melhores parques caninos no distrito do Porto

Os melhores sítios pet-friendly no Porto

  • Restaurantes
  • Santa Catarina

Em plena rua de Santa Catarina, uma das mais movimentadas do país, existe um espaço luminoso e confortável, que apela à calma e a hábitos mais saudáveis. Adepto de uma agricultura sustentável, que respeita a natureza e aposta em ingredientes orgânicos sempre que possível, o Honest Greens recebe os portuenses com pratos para partilhar, como o tomate rosa com stracciatella e pistáchio, o carpaccio de beterraba com ricota fumada de amêndoa e macadâmia e ainda porções de hummus com pão de massa mãe a acompanhar. Frango com ervas e mostarda, vitela grelhada chimichurri, tataki de atum dos Açores e falafel caseiro com molho tahini são alguns dos pratos mais robustos. Há ainda uma secção de bowls, sumos prensados a frio, kombuchas, vinhos e cervejas artesanais, e ainda um bar de águas aromatizadas para encher o copo quantas vezes quiser. O espaço é pet-friendly.

  • Restaurantes
  • Baixa

Depois do sucesso junto ao Palácio de Cristal, onde abriu em 2019, o KUG inaugurou no coração da cidade, em plena Rua das Flores, um espaço que se desdobra em muitos outros espaços. No rés-do-chão há uma esplanada de rua, uma loja de vinhos, um bar com cocktails e ainda um pátio interior para explorar. Subindo ao 4º andar, encontra uma sala de jantar com capacidade para 55 pessoas, um jardim urbano e ainda um miradouro de vistas desafogadas. Quanto ao brunch, há duas opções, ambas a 29€. O brunch Flores é composto por croissant, compota, manteiga, queijo fresco, salpicão, ostras e framboesa, ovos Florentine e pinhão, e panquecas de matcha e coco. Já o menu vegan inclui propostas como tártaro de beringela, coração de alface com vuna (uma alternativa vegetal ao peixe) e abacate, e panacota de açaí. Se preferir, pode pedir brunch à la carte, porque boas opções não faltam. E o seu amigo de quatro patas será muito bem recebido.

Publicidade
Soundwich
  • Restaurantes
  • Restaurantes
  • Foz

Instalado em pleno Parque da Cidade, este é um dos restaurantes mais pet-friendly do Porto. Além de permitir que os animais se instalem confortavelmente perto dos donos, tem ainda um menu pensado para cães com comida húmida de diferentes sabores, como pato ou galinha e salmão. Se preferir, há a versão bio de galinha e peixe. O menu inclui ainda uma garrafa de água de 33 cl e uma barrita seca de sabor a galinha, bife ou pato e galinha (7,50€). Para os donos há menus do dia, hambúrgueres e boas sanduíches e saladas com assinatura de chefs bem conhecidos da cidade. A mais recente novidade deste espaço é um brunch operacional durante toda a semana. Como vê, estão reunidas todas as condições para uma refeição perfeita.

  • Restaurantes
  • Cedofeita

Instalado no recuperado Palácio dos Príncipes, no cruzamento de Cedofeita com a rua de Miguel Bombarda, o Monarca proporciona autênticos banquetes a quem se senta às suas mesas, onde os clássicos do brunch são acompanhados por bons cocktails de assinatura. Na secção de ovos Benedict, há-os para todos os gostos e feitios, com os mais variados ingredientes a acompanhar. Não saia sem provar os gulosos hambúrgueres, as tostas e as panquecas, esses ex-líbris de qualquer brunch que se preze. Os amigos de quatro patas são também muito bem recebidos por aqui. Para eles há sempre uma taça com água fresca e alguns biscoitos. 

Publicidade
  • Restaurantes
  • Porto

A Avenida da Boavista ganhou em Dezembro de 2021 uma nova casa de brunch aberta todos os dias e com um pequeno segredo – um jardim secreto, pois claro, onde os seus amigos de quatro patas são muito bem-vindos. O menu de brunch custa 16€ e inclui ovos mexidos, bacon, torrada, iogurte natural ou açaí, café ou chá ou sumo, queijo e fiambre, panqueca, bolo seco e canapés. Há também menus de pequeno-almoço (11-12€) com croissants, panquecas, bolos e iogurte com frutas e granola. Se preferir pedir à carta, tem muito para escolher, entre panquecas (desde 5,50€), tartines (desde 6€), ceviches (9-12€), hambúrgueres (8-9€), saladas (8-9€), ovos (desde 6€), tapiocas (4-5€), poké bowls (9-13€), sobremesas e bolos (3€). 

  • Coisas para fazer
  • Pinheiro Manso

Esta escola para cães é também a casa do primeiro fun center canino do país. Desenhado para que o melhor amigo dos humanos se divirta com os tutores, treine o faro (a iluminação é reduzida propositadamente), supere medos e aprenda a resolver problemas, este espaço conta com diferentes estímulos e níveis de dificuldade, como uma piscina de bolas, dois túneis, pontes e outros elementos para treinar a agilidade. Tem ainda uma zona de bolas de sabão, uma área de selfies e uma de grooming, onde pode escolher diferentes tipos de banhos, pedir uma tosquia, um corte de unhas, uma escovagem ou uma secagem. Tudo num espaço com 200 m2, sob o olhar atento de profissionais.

Publicidade
  • Restaurantes
  • Baixa

É um pequeno oásis na Avenida da Boavista. Esta antiga casa de família é agora um espaço de brunch para toda a família, com muito espaço para os miúdos e também para os patudos. Com capacidade para cerca de 40 pessoas, conta com duas salas, uma esplanada interior e um jardim que até tem uma cozinha de brincar para os mais pequenos se entreterem. A carta, da autoria do chef Ivo Polónia, propõe um brunch em horário alargado, com clássicos e outros pratos com produtos sazonais. Há panquecas, scones, ovos, saladas, sanduíches e tostas, mas também ceviche de atum com leite de coco (7,50€), nacos de mandioca e batata-doce frita com maionese de paprika fumada (4€) e tarte tatin de tomate seco e cebola com queijo feta (7,50€).

  • Restaurantes
  • Vegetariano
  • Bonfim
  • preço 2 de 4

Os gatos são os animais mais importantes deste cat café, mas as outras espécies também são bem-vindas, pelo menos, na esplanada das traseiras. Para os animais humanos não há interdições à circulação e há uma montra recheada de bolos e de outros doces 100% vegetais, bem como uma opção de almoço que muda todos os dias. Prepare-se para mimos e ronronanços.

Publicidade
  • Restaurantes
  • Baixa

Aulas de ioga para começar o dia e papas de arroz integral com leite de amêndoa, cardamomo e baunilha para forrar o estômago logo pela manhã. Revistas especializadas para folhear com calma, enquanto devora uma tosta em pão de fermentação lenta com queijo artesanal labneh e legumes da época salteados. E, para rematar, uma tarte de avelã e chocolate orgânico, proveniente de comércio justo. Tudo isto devorado sob o olhar atento do seu amigo de quatro patas, mesmo ao lado, que faz olhinhos a tudo quanto aparece sobre a mesa. Se isto não é a mais pura definição de um dia zen, então não sabemos o que será. No Manna, na Baixa, os animais de companhia são muito bem-vindos. Cães e gatos entram com frequência pelas suas portas, mas também alguns coelhos e porquinhos da Índia. Oferecem água e, sempre que têm disponíveis, uns snacks da Barkyn, uma marca de ração para cães.

  • Compras
  • Lojas de animais
  • Pinheiro Manso

​​Esta loja não é para si, é para o seu amigo de quatro patas. Além de bem-vindos, na Walking Dog, que pertence aos mesmos donos da escola Dogga, os cães são convidados a sentar-se, a relaxar e a experimentar os artigos da marca. Pelas prateleiras, encontra vestuário canino, como camisolas, vestidos e impermeáveis; conjuntos de vestuário para fazer pandan com o dono; muitas camas; um sem fim de brinquedos; e ainda acessórios, como arneses, trelas e coleiras. Estes estão divididos em quatro linhas, a Premium, a Comfy, a Daily e a Work, todas fabricadas em Portugal, e algumas com padrões exclusivos. Antes da pandemia, o lounge, mesmo junto à recepção, vendia doces pensados para os animais, como biscoitos, donuts e pupcakes, todos feitos com ingredientes naturais. Encerrado à espera que a pandemia passe, Manuela Vilas-Boas, uma das sócias, faz figas para o voltar a abrir em breve.

Publicidade
  • Bares
  • Cafés/bares
  • Clérigos
  • preço 1 de 4

Quem passa por este bar junto à Torre dos Clérigos, encontra-o quase sempre apinhado. E é fácil perceber porquê. Rodeado por um amplo jardim de oliveiras, tem uma esplanada de madeira com sofás e bancos que senta até 70 pessoas. Se preferir, pode optar pelo relvado, ideal para beber copos, partilhar tábuas de queijos ou enchidos ou ler à sombra de uma árvore. Leve a toalha, a família e os patudos e aproveite o sol, a paisagem, a companhia e a vida desta bela cidade. Tanta coisa boa...

  • Restaurantes
  • Pan-asiático
  • Baixa
  • preço 2 de 4

Este restaurante asiático serve viagens gastronómicas a países como Tailândia, Vietname, Japão e China e não é selectivo em relação aos passageiros: os animais também podem embarcar. Recomenda-se vivamente a esplanada, frequentemente sob supervisão da vizinha Cindy, uma labradora preta. Quanto à comida, os baos, os caris e os pad-thais são boas apostas e vão bem com os cocktails nos dias mais quentes.

Publicidade
  • Bares
  • Cafés/bares
  • Baixa
  • preço 1 de 4

É uma das mais concorridas esplanadas da cidade, quer pela sua localização, quer pelo sol que a ilumina durante toda a tarde, quer pelos comes e bebes que se servem. O interior faz lembrar uma taberna contemporânea, mas é cá fora, junto à oliveira que dá nome à rua, que todos querem estar. Há várias opções de vinho a copo e muitos petiscos tradicionais, como enchidos ou conservas, para partilhar com os amigos depois de um estafante dia de trabalho.

  • Compras
  • Foz

Brinquedos em forma de fatias de pizza ou de pacotes de batatas fritas, trelas coloridas, bebedouros e comedouros estilizados, sacos de comida de variados sabores, cremes hidratantes, toalhitas de limpeza, camas confortáveis, tendas e um sem número de acessórios para os amigos de quatro patas lá de casa são algumas das coisas que se vendem nesta loja perto do Parque da Cidade. Mas não é tudo. O Sr. Cão e a Dona Gata é o paraíso de qualquer dono. Possuem ainda serviço de cat e dog sitting, passeiam cães, dão banhos e fazem tosquias e ainda treinam os bichinhos mais endiabrados.

Publicidade
  • Bares
  • Matosinhos

A Spuma e a Dublin, as cadelas dos proprietários do Hop Trip, encarregam-se de dar as boas-vindas a quem entra neste bar de cerveja artesanal em Matosinhos. Ao mesmo tempo, assinalam que o espaço é pet-friendly, de tal forma que até tem uma cerveja para cães. De resto, conte com uma série de torneiras e muitas referências em garrafa. É um óptimo espaço para um convívio a dois, mas tente, pela sua rica saúde, que seja só ele a sair de quatro.

  • Bares
  • Cafés/bares
  • Foz

Esta é a esplanada perfeita para terminar o passeio à beira-mar com o seu amigo de quatro patas. Virado para as ondas, o Picaba, instalado no Edifício Transparente, é um autêntico templo de comida saudável e natural. Açaí na tigela, iogurte natural, tostas, wraps e saladas são algumas das opções para encher a barriga ou fazer frente ao calor. Situado a meio caminho entre os jardins do Parque da Cidade e o areal da Praia de Matosinhos, é ideal para descansar depois de uma tarde de correria e divertimento.

Publicidade
  • Hotéis
  • Vila Nova de Gaia

Com grandes jardins e muito espaço para correr, este hotel canino com cinco patinhas douradas (numa alusão à mais alta classificação dos hotéis para pessoas) conta com profissionais com mais de 20 anos de experiência que recorrem ao reforço positivo no adestramento canino. Numa estadia com condições, alimentação e cuidados de qualidade, garantem, o seu amigo de quatro patas vai poder usufruir de uma cama confortável, de uma zona de diversão e de muito contacto com a natureza. Têm também uma creche canina, uma escola e fazem banhos e tosquias a pedido. 

  • Restaurantes
  • Porto

Além do Batisco, o gato-mascote do espaço, todos os animais são bem-vindos no Apuro. Aliás, as expressões escritas na montra anunciam o que acontece lá dentro. Pode ler-se, por exemplo, pet-friendly, mas também organic food, live events e cool burgers. Leve o seu melhor amigo para almoçar, peça um dos hambúrgueres vegan e para beber escolha uma cerveja artesanal portuguesa. Quem é amigo, quem é?

Publicidade
  • Bares
  • Cervejaria artesanal
  • Santa Catarina
  • preço 2 de 4

Estamos sempre a bater na mesma tecla, bem sabemos, mas nem imagina o jardim que existe nas traseiras deste espaço. Casa da minhota Letra desde 2017, a Letraria tem várias cervejas diferentes de marca própria, outras marcas portuguesas, como a Musa e a Sovina, e ainda estrangeiras, como a Mikkeller. Como vê, a oferta é variada, o ambiente é descontraído, os cães são bem-vindos, e você não vai querer sair de lá.

  • Hotéis
  • Foz

Agora que ficou com a música do Avô Cantigas a trautear na sua cabeça, falamos-lhe da creche canina que fica no Aldoar. Se não gosta de deixar o seu patudo sozinho enquanto vai trabalhar, a Fungagá da Bicharada cuida dele por si, recorrendo a brincadeiras e a cuidados profissionais. Neste espaço cabe ainda um spa com serviço de grooming e uma loja com todo o tipo de rações, acessórios, brinquedos e produtos de higiene.

Publicidade
  • 4/5 estrelas
  • Restaurantes
  • Cafés
  • Baixa
  • preço 2 de 4

Este espaço é, sem dúvida, instagramável. No entanto, as fotografias podem ficar ainda melhores se, às bonitas panquecas, smoothie bowls ou tostas, lhes juntar a beleza do seu melhor amigo de quatro patas. Sim, porque graças à política pet-friendly do Zenith, os animais não têm de ficar à porta. Bom apetite.

  • Compras
  • Floristas
  • Matosinhos

É impossível ficar indiferente ao ambiente da Terrárea, uma loja que junta o conceito de florista e de restaurante vegetariano. As plantas por todo o lado vão fazer com que o seu companheiro de todas as horas se sinta no jardim de lá de casa. Enquanto isso, desfrute dos sumos naturais, das smoothie bowls, das panquecas ou das opções de almoço, que mudam todos os dias.

Mais coisas para fazer no Porto

  • Coisas para fazer

O Porto não é só Foz, nem é só Ribeira, mas sim uma combinação de factores que se juntam para tornar esta cidade na mais bonita do mundo (modéstia à parte, claro). Se anda esquecido dos seus encantos, entre os quais se contam lugares como a Fundação Serralves, o Teatro Nacional São João, a Torre dos Clérigos, a Livraria Lello & Irmão, e a Serra do Pilar, este artigo é para si. Leia-o com atenção, relembre algumas das razões que fazem os turistas apaixonarem-se pela Invicta, e revisite as maiores atracções no Porto.

  • Coisas para fazer

Nunca o vinho do Porto tinha entrado no livro dos recordes do Guinness. Esta situação mudou na última terça-feira, dia 15 de Maio, quando 293 pessoas se juntaram naquela que se tornou a maior prova comentada do mundo, durante o Lisbon Bar Show, no Convento do Beato, em Lisboa. A candidatura ao recorde do Guinness foi uma das principais atracções deste evento, que é considerado um dos mais importantes a nível nacional da área. Se não consegue resistir a um cálice deste néctar divino, aqui tem uma lista com as caves de vinho do Porto que tem de conhecer. Leia este artigo com moderação.

Publicidade
  • Arte
  • Obra-prima

Provavelmente nunca reparou, mas há muitas obras de arte espalhadas pela cidade e, algumas delas, estão mesmo debaixo do seu nariz. A pensar na sua cultura geral e artística, reunimos 16 obras de arte para ver no Porto, de visita obrigatória. Da pintura à escultura, passando pela arte urbana, onde aparecem murais grafitados, até colecções únicas de soldadinhos de chumbo em museus, aqui tem um pouco de tudo. Para admirar sozinho ou acompanhado, com amigos ou em família, pegue nesta lista, dê um passeio pela cidade e aplauda os artistas da Invicta.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade