25 coisas para fazer com bom tempo no Porto

Aproveite esta semana de sol antes que a chuva volte. Aqui tem 25 coisas para fazer com bom tempo no Porto

© João SaramagoO Jardim das Virtudes é bom para ver o pôr-de-sol

A meteorologia deu-nos finalmente uma boa nova: vamos ter uma semana com pouco frio, sem chuva e com muito sol. Ainda que este seja de pouca dura (na próxima semana já chove), aproveite-o ao máximo. Aqui tem uma lista com 25 coisas para fazer com bom tempo no Porto. Assim sendo, vá comer o primeiro gelado do ano e actualize as redes sociais com fotografias das melhores vistas e jardins da Invicta. 

25 coisas para fazer com o bom tempo

Candelabro

O Candelabro é, desde 2009, um porto seguro para quem quiser sair do trabalho, beber um copo e conversar, à porta, lá dentro ou na praceta que o rodeia. Os vinhos portugueses e os gins são os que têm mais saída, depois há as tostas para juntar à festa. Recentemente reforçaram a livraria do espaço, onde se podem encontrar livros em segunda mão; e estão a acolher mais eventos culturais.

Baixa

Aduela

Bem no centro da cidade está a esplanada do Aduela. Mesmo ao lado de uma oliveira (que dá o nome à rua). É uma das mais concorridas da Baixa e há razões para isso. O sol dá nas horas mais desejadas, entre as 13.00 e as 18.00, ideal para um almoço leve e uma tarde em boa companhia. No que aos snacks diz respeito, o Aduela tem tábuas de queijos e até tostas abertas. 

Baixa
Publicidade

Bar da Ponte Pênsil

Quando o pôr-do-sol pinta a paisagem com outros tons, a esplanada parece pequena para os que a procuram. Muitos brindam com o Freskito, o cocktail da casa. Leva rum, lima, limão, coca-cola e gelo. Se quiser ficar pela noite dentro praticamente em cima do rio, não se preocupe com o frio. Aqui há mantas para as noites menos quentes.

Baixa

Casinha Boutique Café

Podíamos falar do pequeno jardim nas traseiras ou de tudo o que vem para mesa ser caseiro, como os cheesecakes, as cookies ou muffins, os gelados, as tostas, os crepes ou até as boas sopas. Arranje um bocadinho de tempo e vá até à Casinha Boutique Café, na Boavista. O nome não engana: esta é mesmo uma casinha de bonecas, longe da confusão da Baixa, e com muitos chás e bebidas quentes para acompanhar o seu pedido.

Baixa
Publicidade

Praia da Luz

Se enquanto faz a fotossíntese na Praia da Luz lhe der a fome, peça uma sanduíche das várias opções que têm na carta. Ideal para beber um copo ao final da tarde, aproveite os vários sofás à disposição, sempre com vista privilegiada para o mar.

Porto

25 coisas para fazer com o bom tempo

Cremosi

A Cremosi já é uma geladaria bem conhecida da cidade. Os gelados são montados numa pedra fria à vista de todos. Nós explicamos: são postos em camadas em cima de uma chapa fria e só depois entregues ao cliente. Quanto aos sabores, tem opções como iogurte, Nutella, ou amendoim. Há ainda há crepes, gofres e waffles.

Baixa

La Copa

A La Copa tem mais de duas dezenas de sabores artesanais e dá sempre prioridade à fruta da época. Há ainda crepes, panquecas, gofres... Mas se já entrou na La Copa, comprou um gelado e foi à sua vida, saiba que está a perder um terraço interior que vale bem a pena. Chama-se Terrazza La Copa e está decorado com várias flores, como amores-perfeitos e alegrias, uma oliveira, uma trepadeira, uma fonte de água e bicicletas vintage.

Santa Catarina
Publicidade

Mòdi

Attenzione, o paraíso dos gelados italianos abriu em Matosinhos, a poucos metros da praia. Nata, creme de ovos, limão, pêssego, maracujá, morango e pistáchio - o melhor da cidade, diga-se - são alguns dos sabores clássicos vendidos aqui, feitos artesanalmente todos os dias. Mil folhas e mascarpone com figos e amêndoa caramelizada entram na lista das novidades. Há ainda frozen yogurt, granizados de fruta e uma especialidade italiana pouco comum por cá, o croissant recheado com gelado.

Matosinhos

Amorino

O que é que acontece quando um italiano vai para Paris atrás do amor e acaba por abrir uma gelataria? Nasce a Amorino, que significa cupido em italiano. Aqui servem-se gelados cremosos em forma de flor, sem corantes e feitos com leite e ovos biológicos. Há algumas opções veganas e além dos 23 sabores fixos, há sempre um sabor do mês, feito com ingredientes sazonais.

Santa Catarina
Publicidade

Gelataria Sincelo

A trintona Sincelo esteve fechada durante uns meses para obras. Reabriu cheia de novidades e ganhou uma nova vida. Desde 1980 que a Sincelo ocupa o número 54 da Rua de Ceuta. Mas quem cresceu a devorar gelados neste espaço, vai-se aperceber das (bonitas) mudanças que aqui se fizeram. Manteve-se, e ainda bem, o icónico puxador da porta em forma de gelado e os bons gelados, a alma do negócio. Há sempre novos sabores, todos feitos de forma tradicional.

Baixa

25 coisas para fazer com o bom tempo

Jardim Botânico

São quatro hectares de vegetação bem preservada. Rodeiam uma belíssima casa de finais do século XIX e dividem-se em três patamares. Há de tudo um pouco, como jardins formais, árvores e plantas raras, estufas e dois lagos, tudo num espaço pouco movimentado, perfeito para os apreciadores de plantas.  

Porto

Fundação de Serralves

O Museu de Serralves foi projectado pelo arquitecto Álvaro Siza Vieira, em 1991. Em 1999 foi inaugurado o novo edifício, que se mistura na perfeição com o Parque e com a Casa de Serralves. Além das exposições itinerantes há muitas outras permanentes e isso faz com que Serralves seja uma boa ideia em qualquer altura do ano.

Porto
Publicidade

Parque da Cidade

Os seus 83 hectares e a frente de mar tornam-no especial. É o sítio certo para fazer jogging, mas também para um piquenique ou uma simples pausa para relaxar. Tem ainda o Soundwich, ideal para refeições ligeiras idealizadas por chefs, e um núcleo rural onde aos sábados de manhã se realizam feiras de produtos biológicos.

Foz

Jardim do Passeio Alegre

O Passeio Alegre é muito mais do que um jardim. Tem minigolfe, uma das maiores atracções, árvores de espécies exóticas, uma das casas de banho públicas mais bonitas da cidade (azulejos Arte Nova incluídos), um chafariz, o emblemático Chalet Suíço e o Coreto Alegre, com música todos os domingos.

Foz
Publicidade

Quinta da Conceição

Fora da zona habitual, dê um salto à Quinta da Conceição, em Leça da Palmeira, com o seu charme muito particular. Aqui pode ver o claustro que restou do Convento de Nossa Senhora da Conceição, do século XV, a piscina projectada pelo arquitecto Álvaro Siza, uma capela, alguns chafarizes e um imponente portal ao estilo manuelino.

Leça da Palmeira

25 coisas para fazer com o bom tempo

PortoBello Rooftop Restaurant & Bar

O Premium Porto Downtown é um hotel de quatro estrelas na Batalha. O PortoBello Rooftop é o restaurante e bar com uma das melhores vistas sobre a cidade e fica no oitavo piso do edifício. Por isso, a vista panorâmica sobre a cidade é o cartão de visita, principalmente, graças ao pôr-do-sol. Mas não se fica por aí: as sandes e saladas que aqui se servem também podem ser uma boa desculpa para dar lá um salto. Para beber não faltam gins, whiskeys e cocktails.

Santa Catarina

Miss Pavlova

Não sabe o que é uma pavlova? Trata-se de um tipo de merengue crocante por fora e cremoso por dentro com coberturas variadas (que vão do maracujá e frutos vermelhos, aos Maltesers). Na Miss Pavlova pode pedir uma fatia ou então encomendar uma pavlova inteira para levar para casa. O terraço interior chegou mais tarde mas vale bem a pena. Nos dias soalheiros não há nada melhor do que não pensar na dieta enquanto se apanha um bocadinho de sol.

Galerias
Publicidade

Árvore Restaurante

Quando lhe apetecer almoçar numa esplanada sossegada sem ter de se levantar constantemente para cumprimentar alguém, marque uma mesa no Árvore Restaurante, na cooperativa homónima, nas Virtudes. A esplanada soalheira, onde se ouve música electrónica alternativa, tem uma vista magnífica para o Jardim das Virtudes. Para comer não faltam pratos tradicionais como o bacalhau com broa e a posta de vitela ou opções mais leves.

Baixa

Antiqvvm

4 /5 estrelas

Depois de vários anos na Casa da Calçada, em Amarante, o chef Vítor Matos decidiu regressar à Invicta. Assentou arraiais no antigo Solar do Vinho do Porto, na Quinta da Macieirinha, e rapidamente fez olhinhos aos críticos do guia Michelin. Além das entradas frias e quentes, há também duas opções para vegetarianos que vão variando mediante os produtos da época. No campeonato dos pratos principais, a presa de porco ibérico e carabineiro é um dos êxitos da carta. Sim, porque existem menus de degustação para quem quiser confiar às cegas no chef.   

Massarelos
Publicidade

Wish Restaurant & Sushi

4 /5 estrelas

No Wish Restaurant & Sushi, na Foz, o chef António Vieira recria alguns dos clássicos e garante novidades que valem a pena. A carta é extensa e nós aconselhamos tudo o que seja peixe. Uma boa ideia é seguir o conselho do nome e apostar no sushi, feito pelas mãos do sushiman Miguel Fragoso. A selecção de saladas surpreende pela variedade e pela abundância de oferta. A de queijo chèvre grelhado, pancetta, endívias e tagliatelle de cenoura, ou a de presunto pata negra com melão, tomate seco, rúcula e parmesão são boas apostas.

Foz

25 coisas para fazer com o bom tempo

Miradouro da Vitória

Embora não haja nenhum obstáculo que impeça a entrada para este miradouro, no portão lê-se num placar afixado que aquela é uma propriedade privada mas cujo acesso continua a ser possível desde que para fins turísticos. A vista vai desde a Sé à Ponte Luís I e desta à marginal de Vila Nova de Gaia.

Taipas

Miradouro Ignez

O Miradouro Ignez faz parte da rotina de muitos portuenses. A vista, do rio ao casario, é a grande culpada, como se pode perceber pelas fotografias. A esplanada aberta para a cidade, convida a domingos mais contemplativos, seja para curar ressacas ou aproveitar as últimas horas antes da semana de trabalho. Entre as novidades, encontra smoothies feitos com fruta da época (4€), cocktails clássicos e de assinatura, salgadinhos, petiscos vegetarianos e conservas nacionais. 

Publicidade

Jardins do Palácio de Cristal

Desde o século XIX que as gentes se passeiam por estes oito hectares de jardim que acolhem o Palácio de Cristal. Este destino verde é paragem obrigatória para os viciados em miradouros estratégicos com vista panorâmica para o Douro e a cidade. Há bosques, varandas e muito para explorar, como a Biblioteca Municipal Almeida Garrett ou a Capela de Carlos Alberto da Sardenha.  

Massarelos

Farol de Leça

Com 46 metros de altura, o Farol de Leça entrou em funcionamento em 1926. ​​​Inicialmente usava petróleo para funcionar e só em 1964 passou a usar rede eléctrica. Actualmente é um dos faróis abertos ao público e visitáveis, sendo que só tem de seguir as indicações da Autoridade Marítima Nacional para marcar a visita. 

Leça da Palmeira
Publicidade

Jardim do Passeio das Virtudes

O Jardim do Passeio das Virtudes é o sítio certo para quem quer ver o pôr-do-sol seráfico combinado com uma vista maravilhosa sobre o rio e, consequentemente, receber montes de corações no Instagram. Nos dias mais quentes transforma-se também numa espécie de esplanada ao ar livre para copos ao fim da tarde.

Baixa

Mais coisas para fazer no Porto

Coisas para fazer no Porto em Fevereiro

Se acha que este mês é curto, então imagine depois de ver esta lista com as melhores coisas para fazer no Porto em Fevereiro. São muitas actividades para tão poucos dias. Temos espectáculos de teatro e de dança, festivais de vinho e de literatura, cursos de cozinha e exposições. Divirta-se.

Por Mariana Morais Pinheiro

As melhores coisas para fazer sozinho no Porto

Às vezes não há como uma tarde, ou mesmo um dia inteiro, sem ninguém por perto. É para esses dias que esta lista das melhores coisas para fazer sozinho no Porto dá jeito. E acredite: com tanta coisa para ocupar o tempo e a mente não vai sentir falta de companhia nenhuma.

Por Editores da Time Out Porto
Publicidade

8 coisas para fazer ao domingo no Porto

Somos contra os domingos desperdiçados. Por isso mesmo, aproveite as nossas sugestões de coisas para fazer ao domingo no Porto e faça o último dia de liberdade da semana valer a pena.   Recomendado: As melhores coisas para fazer sozinho no Porto

Por Inês Bastos

Comentários

0 comments