Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Receitas para fazer em casa
Cozinhar em casa
© DR Passe mais tempo a cozinhar

Receitas para fazer em casa

Em tempo de isolamento, temos mais tempo para cozinhar. Tome nota destas receitas para fazer em casa com toda a família.

Por Teresa Castro Viana
Publicidade

Estar em casa permite-lhe passar mais tempo a cozinhar, experimentando novos ingredientes e outras formas de os usar. Nesta lista de receitas para fazer em casa, disponibilizadas por chefs e bloggers, tem sugestões para todos os gostos. Mirtilos, rabanete e trigo sarraceno são alguns dos ingredientes-chave destes pratos, que pode confeccionar para e com toda a família. Há hambúrgueres para os miúdos (uma dica: pode congelar para comer mais tarde), um risoto de gorgonzola que o vai fazer esquecer que está dentro de quatro paredes, e um bolo para o lanche de domingo. Arregace as mangas e atire-se aos tachos.

Recomendado: Os melhores takeaways no Porto

Receitas para experimentar em casa

Pak Choi
© João Saramago

Atum com batata doce e pak choi

Receita de João Pupo Lameiras, chef do RO e Bacalhau. Para 2 pessoas:

2 nacos de 180 g de atum
Shichimi togarashi (mistura de especiarias japonesas)
1 kg de batata doce laranja
2 colheres de manteiga
2 pak choi
Ceboleto picado
Molho teriyaki

Lavar a batata doce e assar durante 45 minutos. Terminado esse tempo, descascar e bater no robô de cozinha com duas colheres de manteiga. Temperar. Salpicar o atum com o shichimi togarashi e um pouco de sal fino. Aquecer uma frigideira com um fio de azeite e marcar o atum de todos os lados. Em água a ferver, cozer a pak choi durante dois minutos.

Para empratar, colocar o puré de batata doce no prato, por cima o atum e ao lado a pak choi. Regar tudo com um fio de teriyaki e salpicar com ceboleto picado.

Para o teriyaki:

250 g de molho de soja
1 lima
250 g de açúcar
1 cm de gengibre
1 dente de alho

Juntar a soja e o açúcar. Juntar o alho e o gengibre ralados. Levar a ferver durante cinco minutos. Juntar o sumo de lima, coar e acrescentar ao prato.

Gorgonzola
© João Saramago

Risoto de pêra, gorgonzola e nozes

Receita de Andrea Pulcini, chef do La Fontana. Para 4 pessoas:

480 g de arroz arbório
150 g de queijo gorgonzola
1 cebola
3 pêras maduras
40 g de miolo de nozes
50 g de manteiga
1 copo de vinho branco
120 g de queijo Parmigiano Reggiano DOP ralado
Caldo vegetal q.b.

Pique a cebola e coloque numa panela com 30 gramas de manteiga. Deixe secar e adicione o arroz, que deve fritar durante uns minutos. Adicione o vinho branco e deixe evaporar.

Depois, gradualmente, enquanto o arroz seca, adicione uma concha de caldo de cada vez, até ficar totalmente cozido (cerca de 15 minutos).

Descasque as pêras, corte-as em cubos e triture uma delas num mixer. Retire o queijo gorgonzola da crosta e corte-o também em cubos.

Cinco minutos antes do risoto estar pronto, adicione o gorgonzola em cubos, a pêra em cubos e a pêra em puré.

Desligue o fogo, adicione o parmesão ralado, misture a restante manteiga (20 gr) e sirva decorado com as nozes, com fatias de pêra previamente cortadas e com lascas de queijo parmesão.

Publicidade
Trigo sarraceno
© Marco Duarte

Crepes de trigo sarraceno e espinafres

Receita de Vânia Ribeiro do blogue Made by Choices. Para 10 crepes:

150 g de trigo sarraceno em grão
1 colher de sopa de linhaça
1 chávena de espinafres
600 ml de água
Óleo de coco
Pimenta preta a gosto
Alho em pó a gosto (opcional)
Pitada de sal (opcional)

Para o recheio:

400 g de cogumelos frescos
1 alho francês
2 cenouras médias
1 couve coração pequena
1 cebola
Óleo de coco
1 colher de sopa de Tamari (molho de soja sem glúten)
Pimenta preta moída a gosto

Demolhe o trigo sarraceno com o dobro de água por seis horas ou durante a noite. Descarte a água e lave-o muito bem.

Num processador de alimentos, junte o trigo sarraceno, a linhaça, os espinafres (previamente passados por água quente), a água, o alho em pó, a pimenta e o sal. Triture na velocidade máxima até ficar homogéneo.

Aqueça uma frigideira anti-aderente com óleo de coco. Quando o óleo estiver totalmente derretido e a frigideira quente, limpe o excesso de óleo com um guardanapo. Coloque uma concha de massa e espalhe bem. Deixe cozer por dois a três minutos ou até o crepe se desprender do fundo da frigideira. Vire o crepe com cuidado e deixe cozer mais um a dois minutos. Repita o processo até terminar a massa.

Aqueça uma wok com um pouco de óleo de coco. Junte a cebola cortada em cubos e deixe amolecer durante um minuto. Corte o alho francês às rodelas e junte à cebola. Mexa. Corte os cogumelos em tiras e junte ao preparado. Mexa bem e deixe cozer até os cogumelos reduzirem de volume. Rale as cenouras e a couve, junte aos cogumelos e envolva bem. Junte o Tamari e temperos a gosto, mexa e desligue o lume.

Recheie os crepes com os legumes, junte um pouco de maionese de caju (opcional) e sementes de sésamo.

Rabanete
© DR

Hambúrguer de cogumelos e quinoa com pepino, gengibre e rabanete

Receita de Hugo Gomes e Liliana Silva, chefs e mentores do Humor ao Lume. Para 4 pessoas:

150 g de cogumelos
100 g de quinoa cozida
3 ramos de tomilho
2 colheres de sopa de pão ralado
1 ovo
1 alho
1/2 cebola média picada finamente
1/2 pepino
Rabanetes q.b.
Pickle de gengibre
Azeite q.b.
Sal e pimenta q.b.
Rebentos (opcional)
Pão

Molho de iogurte:

1 iogurte grego
Sumo de 1/2 limão
Mostarda q.b.
Cebolinho q.b.
Sal e pimenta q.b.

Comece por saltear os cogumelos em duas colheres de sopa de azeite, alho esmagado e tomilho a gosto. Retire-os e pique-os grosseiramente.

Numa taça junte a quinoa, previamente cozida, os cogumelos, um ovo, a cebola e duas colheres bem cheias de pão ralado. Tempere tudo com sal e pimenta e misture até o preparado se tornar uma massa de moldar (se a mistura estiver muito líquida, junte mais pão ralado).

Divida em quatro pedaços e molde-os em hambúrgueres. Aqueça um pouco de azeite numa frigideira antiaderente e cozinhe os hambúrgueres durante cerca de três minutos de cada lado ou até dourar.

Misture os ingredientes para o molho de iogurte e espalhe duas colheres num pão à escolha. Depois, coloque o hambúrguer, umas fatias finas de pepino, pickle de gengibre, rabanete e rebentos de salsa ou coentros.

Publicidade
Mirtilos
© João Saramago

Bolo de limão e mirtilos

Receita de Jorge Santos, dono e pasteleiro do Bolinhos do Jorge. Para 8 fatias:

180 g de açúcar branco
3 ovos
100 g de farinha de arroz
150 g de farinha T55 sem fermento
100 ml de leite
150 g de manteiga com sal
1 colher de chá de fermento em pó
Raspa de 1 limão
Mirtilos a gosto

Bata a manteiga, que deve estar à temperatura ambiente, com o açúcar. Adicione os ovos, um a um, até ficarem incorporados no preparado anterior.

Junte as farinhas e o fermento e bata mais um pouco. Acrescente o leite até obter uma massa uniforme e depois as raspas do limão. Envolva bem com uma espátula.

Numa forma de 22 cm ou mais pequena, coloque um círculo de papel vegetal, unte a forma e coloque a massa.

Adicione os mirtilos e coloque no forno a 180ºC durante 30 a 40 minutos (faça o teste do palito porque, dependendo do forno, o tempo de cozedura pode variar).

Tire o bolo do forno e deixe repousar 30 minutos antes de desenformar. Vire num prato e retire o papel vegetal.

Fique em casa

Vanessa Martins tem treinos para todos os gostos
© João Maria Catarino

Três canais do YouTube para fazer exercício físico em casa

Saúde e beleza

Praticar exercício físico é uma das recomendações mais frequentes quando se fala em hábitos de vida saudáveis. Também é uma das formas de fortalecer o sistema imunitário, a par de uma boa alimentação. Assim sendo, e tendo em conta que ficar em casa é a melhor forma de prevenção face à propagação do novo Coronavírus, continue a treinar. Nesta lista recomendamos três canais do YouTube para fazer exercício físico em casa.  Recomendado: Sete séries a não perder este mês

My Parents, David Hockney
©DR

10 obras de arte que nos lembram como é bom estar em casa

Arte Pintura

Quantos de nós desejam, todos os dias, ter mais tempo para estar em casa? Agora que o temos de sobra devido ao surto de Covid-19, mal podemos esperar para sair à rua de novo. E se nunca foi tão fácil estar entretido dentro de portas, a ausência de rotina pode tornar esta quarentena penosa. Por isso, reunimos dez obras de arte que mostram como o interior pode ser um lugar de conforto e lazer. Nelas, vemos actividades rotineiras como estrelar ovos ou ver o mundo pela janela, passatempos como tocar piano ou trocar cartas ou detalhes preciosos como o raio de sol que preenche uma sala vazia. Aproveite e veja como é bom estar em casa. Recomendado: Galerias de arte que deve conhecer no Porto

Publicidade
Hard Club
© DR

Covid-19: eventos cancelados no Porto

Coisas para fazer

A Câmara Municipal do Porto decretou esta terça-feira o fecho das portas dos teatros e museus municipais e o cancelamento de todos os eventos públicos organizados pelo município, com o objectivo de conter o surto de Covid-19. Mas não foi a única entidade. A toda a hora são divulgadas informações sobre o cancelamento e o reagendamento de eventos que estavam marcados para os próximos tempos na cidade.  O micro-organismo vulgarmente conhecido como coronavírus foi detectado em Portugal e já atingiu mais de 80 países, tendo o surto começado no início de Dezembro na província chinesa de Hubei. Em Portugal, quem tiver sintomas (febre, tosse ou cansaço) ou suspeitar estar infectado, deverá contactar a linha SNS24 através do 808 24 24 24 e aguardar que seja encaminhado por profissionais de saúde. Não deverá deslocar-se aos serviços de urgência. Recomendado: Três séries a não perder este mês  

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade