Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Os melhores sítios para andar de bicicleta no Porto
Ciclovia da Foz
© DR

Os melhores sítios para andar de bicicleta no Porto

À beira-mar, em parques e jardins ou pelo meio da cidade, descubra os melhores sítios para andar de bicicleta no Porto e arredores.

Por Margarida Ribeiro
Publicidade

Apesar de o Porto não ser conhecido como uma cidade ciclável (fama que ganhou graças às suas ruas íngremes), todos os dias alguns corajosos aventuram-se a dar um passeio de bicicleta. Serviu-lhe a carapuça? Então, vá percorrer a Invicta de bicicleta nestas pistas e ciclovias. Algumas são à beira-mar, outras atravessam os parques e jardins mais bonitos do Porto e outras até passam pelo meio da cidade. Quando acabar de se exercitar, vá repor energias a um restaurante saudável ou descanse num dos melhores cafés do Porto

Recomendado: Os melhores sítios para correr no Porto

Os melhores sítios para andar de bicicleta no Porto:

Marginal
Marginal
© Cláudia Paiva

1. Ciclovia da Foz

Para quem gosta de um passeio com cenário, esta ciclovia é a ideal. Começa no Parque da Cidade e acaba na Foz da Ribeira da Granja, junto ao Observatório de Aves, tendo quase cinco quilómetros de distância. O passeio por esta marginal, de bicicleta ou a pé, passa por diferentes praias e o local onde o Douro desagua no Atlântico. É também um bom percurso para quem não gosta de subidas acentuadas. 

Bicicleta
Bicicleta
© DR

2. Ciclovia da Foz da Ribeira da Granja

A única coisa que tem em comum com a anterior é que começa e acaba nos mesmos locais. Mas, se for por aqui, vai atravessar as avenidas da Boavista e Marechal Gomes da Costa, passar perto de Serralves e percorrer o Parque da Pasteleira.

Publicidade
Marginal de Matosinhos
Marginal de Matosinhos
© Marco Duarte

3. Marginal de Matosinhos

Fazer exercício à beira da praia tem o melhor de dois mundos: o fresquinho da brisa marítima e uma distância considerável para correr sem subidas nem descidas abruptas. Além disso, ainda pode dar um mergulho no mar quando der o treino por terminado.

Jardim de Arca d'Água
Jardim de Arca d'Água
© João Samarago

4. Ciclovia do Pólo Universitário

É uma das mais recentes ciclovias da cidade: foi concluída no final de 2020 e liga o Pólo Universitário, na Asprela, à zona do Campo Alegre. O percurso conta com cerca de oito quilómetros e permite dar ao pedal enquanto aprecia diferentes paisagens, incluindo o belíssimo Jardim de Arca D'Água.

Publicidade
Avenida da Boavista
Avenida da Boavista
© DR

5. Ciclovia da Avenida da Boavista

Com quase seis quilómetros, a Avenida da Boavista é a maior rua da cidade e a meio conta com uma ciclovia de tamanho generoso. Se começar pelo lado da Boavista, nem vai sentir as dores nos gémeos com a vista para as belas casas que decoram ambos os lados da rua. No fim, o merecido descanso, com os olhos postos na praia de Matosinhos.

Parque Oriental da Cidade
Parque Oriental da Cidade
© Claudia Paiva

6. Parque Oriental da Cidade

Atracções Parques e jardins Campanhã

É o segundo maior parque da cidade do Porto e reúne todas as condições para andar de bicicleta. Estende-se ao longo de nove hectares, tem espaços verdes, cruza-se com o rio Tinto e é calmo quanto baste para dar um passeio em paz, antes ou depois de enfrentar um dia em cheio.

Publicidade
Marginal Gaia
Marginal Gaia
© Cláudia Paiva

7. Marginal de Gaia

Para quem gosta de fazer desporto junto ao mar, a marginal de Gaia é um dos percursos ideais. É o paredão mais extenso do Norte do país. Conta com um passadiço de madeira que liga Gaia a Espinho, num total de 15 quilómetros, e ainda tem algumas das melhores vistas da cidade.

8. Ciclovia do viaduto da Prelada

O viaduto da Prelada, que passa sobre a VCI, esteve muito tempo sem os devidos acessos, até que em 2009 as obras foram concluídas e foi adicionada uma ciclovia. Quem opta por este percurso, fica a conhecer uma parte diferente da cidade mais residencial. A ciclovia vai da Rua Teodoro de Sousa Maldonado até à Estrada Interior da Circunvalação. 

Publicidade
Quinta do Covelo
Quinta do Covelo
© Cláudia Paiva

9. Quinta do Covelo

Coisas para fazer Caminhadas e passeios Constituição

A Quinta do Covelo tem diversos trilhos para correr e andar de bicicleta, num espaço com aproximadamente 90 hectares. Apesar de ser um dos destinos mais concorridos por quem gosta de dar uso às pernas, este circuito não é dos mais fáceis. Vá preparado.

Parque, Jardim, Boavista, Parque da Cidade
Parque, Jardim, Boavista, Parque da Cidade
©João Saramago

10. Parque da Cidade

Atracções Parques e jardins Foz

O Parque da Cidade, com 83 hectares, é o pulmão verde do Porto. É o maior parque urbano do país e é o sítio escolhido por muitos portuenses na hora de fazer exercício ao ar livre. Os ciclistas não são excepção, já que existem vários caminhos (quase 10 quilómetros) dentro do parque, por onde podem andar de bicicleta. Não se deixe intimidar pela extensão – em todo o lado há setas e indicações para que não se perca. Como fica muito perto do mar, é um óptimo local para ver o pôr-do-sol. 

Mantenha-se em forma no Porto:

PT Club
© Valéria Martins

Três sítios para fazer treino personalizado no Porto

Desporto

Pôr o corpinho a mexer é mais fácil quando acompanhado por um profissional que adapte o treino às suas necessidades, objectivos e limitações (sem vergonhas, todos as temos). Se não tem pachorra para ficar à espera que a máquina fique livre e não suporta os gritos de esforço dos outros, vá conhecer estes três sítios para fazer treino personalizado no Porto, onde vai poder suar sem desesperar. E já que está numa onda de olhar mais pela sua saúde, aproveite também para ir conhecer os melhores restaurantes saudáveis da cidade.

Festival junta a comunidade ioga
© Cátia da Costa

20 ideias para ficar em forma ao ar livre no Porto

Coisas para fazer

Vista o fato de treino, calce as sapatilhas e parta à descoberta da Invicta enquanto pratica exercício físico. Temos propostas mais tradicionais, que incluem corridas, caminhadas e ciclismo, e outras mais radicais, como saltar de pára-quedas, escalar a ponte da Arrábida ou um jogo de paintball na Póvoa de Lanhoso, caso queira sair do óbvio. Nesta lista, que o vai fazer suar as estopinhas, vai encontrar ainda alguns dos melhores parques da cidade, bem como vários espaços emblemáticos onde ficar na linha para este Verão. Aqui tem 20 ideias para ficar em forma ao ar livre no Porto.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade