Três sítios para dormir em Amarante

Boa comida, vista para o rio Tâmega e muita história para conhecer. Saiba onde dormir em Amarante, mesmo aqui ao lado
Monverde Wine Experience Hotel
DR Monverde Wine Experience Hotel
Por Inês Bastos |
Publicidade

A separar o Porto e Amarante estão, mais ou menos, 60 Km. Por lá, há boa gastronomia (até têm um restaurante com uma estrela Michelin), paisagens de cortar a respiração e, para os dias mais quentes, um dos melhores parques aquáticos do país. 

Merece, por isso, uma visita. Um fim-de-semana prolongado, daqueles onde se aproveitam os feriados e as pontes para compor um bom conjunto de dias sem meter os pés na firma. Já o convencemos? Então descubra estes três alojamentos para dormir em Amarante. De palácios de contos de fadas a espaços abertos mais recentemente, há de tudo. Ora veja...

Três sítios para dormir em Amarante

Monverde Wine Experience Hotel
DR
Hotéis

Monverde Wine Experience Hotel

icon-location-pin Grande Porto

Esta casa de apreciadores de vinho, a menos de uma hora do Porto, parece fundir-se com a paisagem. A janela do Quarto Superior Varanda, um dos mais requisitados, é um quadro para os 32 hectares de vinha que rodeiam o hotel. Há mais 28 quartos disponíveis, todos com um design intimista e vista privilegiada para a natureza. Se há quem se deixe ficar dentro de paredes, há também quem queira aproveitar a propriedade e tudo o que ela tem para oferecer. Há provas de vinhos, claro, cursos, piqueniques no meio das vinhas, geocaching e workshops de cozinha.

Hotéis, Hotéis de luxo

Casa da Calçada Relais & Chateaux

icon-location-pin Grande Porto

A Casa da Calçada, construída no séc. XVI para ser uma das principais residências do Conde de Redondo, mantém o seu estilo barroco original e está cheia de história. Foi aqui que se instalaram os comandos aliados (ingleses e portugueses) durante as Invasões Francesas e por isso mesmo o edifício foi destruído pelo fogo. No início do séc. XX, tornou-se um importante ponto de encontro para políticos e intelectuais liderados pelo seu então proprietário, António do Lago Cerqueira, aqui nascido em 1880 e um dos líderes da Primeira República. Totalmente recuperada em 2001, esta casa transformou-se num dos mais emblemáticos hotéis do país. Os 30 quartos e suites que tem disponíveis (organizados em quartos executivos, de luxo e de luxo superior e suites executivas e presidencial) têm uma decoração romântica e é impossível não se sentir num conto de fadas.

Publicidade
Hotéis

Des Arts – Hostel & Suites

icon-location-pin Grande Porto

Depois da recuperação do histórico Hotel Silva, o primeiro da cidade, nasceu o Des Arts – Hostel & Suites, em Julho deste ano. O projecto é do casal Francisca Fonseca, descendente do poeta e escritor amarantino Teixeira de Pascoaes, e Roberto Feitosa. A maioria dos quartos tem vista para o rio Tâmega ou para a natureza, mas o alojamento fica mesmo no centro da cidade. À sua espera estão 15 suites, quatro camaratas premium e outras cinco mais pequenas, todas baptizadas com o nome de um escritor ou pintor português. Há ainda um jardim para as tardes solarengas ou os finais de tarde mais agradáveis.

Fique pelo Norte

Notícias, Transporte e viagens

Quintãs Farm Houses: adormecer num espigueiro gigante

Em Outubro, as Quintãs Farm Houses abriram as portas dos dois espigueiros gigantes, ocupados agora por três apartamentos desenhados pelo arquitecto Júlio Caseiro. As duas penthouses acomodam, cada uma, quatro pessoas e há ainda um apartamento T1 com jardim privativo. Em comum têm a decoração minimalista e simples e a vista desafogada para a quinta.

Quinta de São Bernardo
© Nelson Garrido
Hotéis

Novos hotéis de norte a sul de Portugal

Apetece-lhe viajar por este país fora e experimentar espaços novos? Então preste atenção à informação que se segue. Nos últimos seis meses fartaram-se de abrir portas de norte a sul (e ainda bem). Nas grandes cidades do litoral, nas pequenas vilas do Alentejo, no extremo norte ou nas terras mais a sul, há de tudo nestes novos hotéis.

Publicidade
Quinta de São Bernardo
© Nelson Garrido / Quinta de São Bernardo
Coisas para fazer, Caminhadas e passeios

12 coisas para fazer no Douro

Que o Douro é a região mais bonita do mundo já toda a gente sabe. Pode é não saber o que fazer quando lá estiver, ofuscado por tanta beleza natural. A pensar nisto, damos-lhe 12 coisas para fazer no Douro, que lhe vão ocupar bem o tempo, encher bem o estômago, e deixá-lo bem relaxado num hotel com uma bela vista sobre a paisagem.

FeelViana
DR
Viagens

Novidades a norte: hotéis, bares e restaurantes

Depois de conhecer os restaurantes que abriram no Porto enquanto esteve de férias, é hora de conhecer as novidades a norte. Há muitos hotéis onde ainda não dormiu, muitos restaurantes com iguarias do Minho para provar e outros tantos bares para pôr a conversa em dia.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com