Três sítios para beber sangria no Porto

Esqueça os jantares da faculdade e concentre-se apenas linhas que se seguem. Nestes três sítios para beber sangria no Porto, a qualidade e os sabores inovadores estão garantidos
sangria de pepino xico queijo
© João Saramago Sangria de pepino e uva do Xico Queijo
Por Teresa Castro Viana |
Publicidade

Há muito para descobrir no universo das sangrias. Se está farto das combinações de sempre, tome nota destes três sítios onde, com mais ou menos inovação, há exemplares originais e carregados de bons sabores.

Três sítios para beber sangria no Porto

Adega O Escondidinho
© João Saramago
Restaurantes, Português

Adega O Escondidinho

icon-location-pin Constituição

São raros os espaços que dedicam algum tempo e trabalho à sangria mas a Adega O Escondidinho é um deles. Feita com laranja e limão macerados, brandy e Licor Beirão, é uma das estrelas da casa.

Preço: 12€/jarro (tinta/branca), 15€/jarro (espumante)

Xico Queijo
© João Saramago
Bares

Xico Queijo

icon-location-pin Galerias

A sangria rosé de pepino e uva do Xico Queijo já é um clássico neste campeonato. Muito leve — mesmo assim beba com moderação —, fica igualmente bem a acompanhar um ceviche ou um tártaro de carne.

Preço: 19€/jarro

Publicidade
Vermuteria da Baixa
© João Saramago
Restaurantes, Italiano

Vermuteria da Baixa

icon-location-pin Galerias

No novo espaço da Baixa há uma sangria de pêra e canela que está a dar que falar. É feita com espumante, laranja, alecrim, Porto branco, Martini Prosecco e, claro, pêra e canela.

Preço: 16€/jarro

Outras sugestões

Rissóis de carne
© João Saramago
Restaurantes, Petiscos

Três sítios para comer rissóis de carne no Porto

Petiscar é um verbo que deve ser pronunciado com agrado, de preferência rodeado de amigos e com umas cervejas à frente. Os rissóis de carne são um dos snacks que mais se encontram na cidade mas nesta lista dizemos-lhe qual é o top 3.

Publicidade
Publicidade