A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Selina Navis Cowork
© DR Selina Navis Cowork

Conheça estes 13 espaços de coworking no Porto

Aborrece-se facilmente se ficar a trabalhar em casa? Aqui tem 13 espaços de coworking no Porto.

Escrito por
Editores da Time Out Porto
Publicidade

O marasmo do seu escritório caseiro distrai-o mais do que uma fanfarra em dia de romaria? Preferia trabalhar no meio de gente criativa, cheia de ideias geniais? Aqui tem 13 espaços de coworking no Porto onde pode desenvolver os seus projectos com o mesmo conforto que teria em casa, mas com a seriedade de um escritório profissional. No entanto, as vantagens não se ficam por aqui. Conte ainda com cafetarias com muito café (não fosse a cafeína um bom estimulante para o trabalho) e bolos caseiros, a combinação perfeita.

Recomendado: 26 cafés que tem de conhecer no Porto

Espaços de coworking no Porto

  • Coisas para fazer
  • Foz

O Edifício Transparente foi o local escolhido para acolher o Work In, o novo cowork da cidade, a funcionar desde Junho. O espaço tem uma vista privilegiada para a orla marítima do Porto e Matosinhos – cuidado para não se distrair das tarefas importantíssimas que tem em mãos – e até proporciona aulas de surf para quem quiser aproveitar ao máximo os intervalos. Existem duas modalidades para trabalhar em open-space: a primeira garante um posto fixo (150€/mês), a segunda foi pensada para empresas (25€/m2/mês). Também pode contar com salas de reuniões, zonas de lazer e serviços complementares como descontos no ginásio e restaurantes que ficam dentro do mesmo edifício. O espaço está a crescer: começaram com 650 m2, expandiram para mais 450 m2, e agora partem para uma terceira fase, contando com um novo espaço de 550 m2, que está em fase de projecto e obra. 

  • Coisas para fazer
  • Baixa

Foi no início do ano passado que nasceu o Fisga, um local que acolhe criativos e designers e os incentiva a criar parcerias e colaborações. Existe assim a possibilidade de alugar um lugar numa secretária partilhada (90€) ou, se quiser alguma privacidade, um ateliê individual (250€/duas pessoas, o valor acresce 50€ se forem três). Além da zona de trabalho, tem uma sala de reuniões, estúdio de fotografia e vídeo, sala de refeições com cozinha, máquina de café, oficina, jardim e horta. A cereja no topo do bolo são os eventos e workshops que o espaço acolhe regularmente.


Rua do Bonjardim, 1160 (Baixa). 93 449 6874. Facebook

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Baixa

No Almada., o espaço de trabalho faz lembrar uma sala de aulas das décadas de 1950 e 60, com as suas mesas de tampo grande, decoradas com globos terrestres e distribuídas por um longo corredor. O espaço divide-se entre dois pisos, que acolhem não só o cowork, mas também uma concept store e um bistrô. Para apanhar ar, há duas esplanadas e dois jardins. As modalidades de trabalho agradam a todos: quem quiser quebrar a monotonia, pode optar pela diária (10€) ou pela part-time, que permite ocupar uma mesa três vezes por semana (60€). O full time flex é um plano mensal que não garante uma mesa fixa e o full time inclui uma secretária fixa (130€). Os trabalhadores aquii instalados podem descer ao piso de baixo e usufruir dos chás e cafés do bistrô, assim como de descontos na carta. 

Rua do Almada, 544 (Baixa). 22 099 9682. Instagram

  • Coisas para fazer
  • Baixa

O emblemático edifício árabe da Rua José Falcão é a morada do Selina Navis Cowork, pensado especialmente para nómadas digitais e empreendedores. Entre as comodidades disponíveis estão uma impressora e uma cozinha comunitária, com café e chá à disposição. O espaço é grande: no primeiro andar, existem as hot desks (12€/ dia, 50€/semana ou 189€/mês) – uma zona com sofás e mesas altas na qual o coworker não tem um lugar fixo – e dedicated desks (200€/mês), com secretárias, candeeiros individuais e gavetas para arrumação. Já pelos outros andares vai encontrar salas de reuniões e escritórios privados, cuja capacidade vai dos 4 aos 28 trabalhadores. Atenção que a maioria já está ocupada. 

Rua José Falcão, 199 (Baixa). 21 821 8887. Facebook.

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Taipas

Instalado numa antiga tipografia – que inspirou o nome do espaço – este é um local de trabalho vocacionado para freelancers e empresas, que fica no centro histórico do Porto. O Typographia Cowork dispõe de diferentes salas e espaços comuns, como recepção, copa, zona lounge e pátio exterior. Ficou interessado? Existem três planos mensais: o virtual (25€ + IVA), que inclui domiciliação fiscal e correspondência; o nómada (70€ + IVA), que põe à sua disposição um lugar numa mesa partilhada; e o fixo (120€ + IVA), que lhe garante uma mesa individual. Nas pausas do trabalho, vale a pena olhar para cima: o tecto trabalhado é deslumbrante. 

Campo dos Mártires da Pátria, 144 A (Baixa). 22 208 1413. Facebook

  • Compras
  • Cedofeita

É um daqueles espaços que não são bem o que parecem à primeira vista. É uma loja de design? Sim. Um coffee bar? Sim. Um cowork, uma galeria que acolhe exposições de arte, um conjunto de estúdios para a produção digital? Sim, sim e sim. Quem quiser usufruir de tudo isto, pode optar por uma das seis modalidades disponíveis como, por exemplo, a flex full-time (70€/mês), que lhe dá uma mesa flexível individual (a fixa fica por 90€/por mês), e a oportunidade de usar o espaço de segunda a sábado. Também existem ateliês individuais (115€/mês) e duplos (140€/mês). O CRU Creative Hub tem ainda uma copa equipada, zona de refeições, um pátio, salas de reunião e uma cabine para videochamadas. Os animais de companhia são bem-vindos e ocasionalmente são organizados eventos exclusivos para a comunidade. 

Rua do Rosário, 211 (Baixa). 93 5600 904. Facebook.

Publicidade
  • Compras
  • Bonfim

O que começou como um espaço de cowork evoluiu, ao longo dos anos, para muito mais que isso. É que o Synergy, fundado por Inês Petiz e Hélder Vilares, além de acolher trabalhadores independentes ou empresas, também é, desde 2020, uma Escola de Empreendedorismo. Pode optar pelo full-time (110€ + IVA) ou o part-time, três vezes por semana (65€ + IVA), ambos no open space. Para grupos ou empresas, há preços diferentes. Têm também espaço para eventos e formações, com acesso a jardim relvado, maquinaria para trabalhos em madeira e metal e um estúdio de gravação de vídeo. Aqui, não faz mal misturar trabalho e lazer: há eventos regulares para a comunidade do Synergy, como escalada, karaoke e churrascos. 

Avenida de Fernão de Magalhães, 613 (Bonfim). 93 439 7674. Facebook

  • Coisas para fazer
  • Cedofeita

Muito perto da rua mais artística da cidade fica o Land Porto, um espaço que está de portas abertas para todos os freelancers ou empresas que estejam à procura de uma secretária confortável, mas não só. Além dos básicos, como wi-fi e impressora, este cowork também dá acesso a uma cozinha equipada, parque de bicicletas e sala de reuniões. Não existe fidelização – o valor diário é de 10€, o semanal é de 45€, ambos disponíveis de segunda a sexta-feira. Existe ainda um plano mensal (99€), que permite aos coworkers usufruir do espaço todos os dias. O Land é também um local cultural que recebe exposições e workshops mensais sobre os mais variados temas. 

Rua do Rosário, 294 (Baixa). 93 649 1314. Site.

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Cedofeita

A maior parte dos portuenses conhece a Circus Network como uma galeria e loja que dá destaque ao melhor que se faz em Portugal, nas áreas da arte urbana e da ilustração. Mas, no andar de baixo, fica um cowork, onde todos os criativos freelancers têm lugar. Existe a possibilidade de alugar uma mesa para uma (90€/mês) ou duas pessoas (120€/mês). Também pode reservar uma mesa ou sala de reuniões por apenas um dia (10€). Qualquer trabalhador tem acesso a uma kitchenette, sala de estar e ao pátio exterior. 

Rua do Rosário, 54 (Baixa). 22 201 1998. Instagram.

  • Coisas para fazer
  • Centros culturais
  • Grande Porto

A relação entre o tempo e o dinheiro tem sido muito difundida, mas neste caso o assunto torna-se literal. Isto porque neste espaço de cowork paga-se à hora (2€). Mas há um isco: uma cafetaria com comida boa. Para tudo isto se interligar na perfeição, o valor do tempo aqui passado pode ser descontado na conta da comida. Economia circular, portanto. O Temporada conta também com um espaço exterior, ideal para uma pausa. 

Rua da Torrinha, 151 (Baixa). Instagram

Publicidade
  • Compras
  • Bonfim

O Nü Coworking Criativo, no Bonfim, nasceu da necessidade de Manu Sousa ter um espaço onde cozer as peças de cerâmica. Vai daí, juntou no mesmo lugar pessoas de vários quadrantes, alugando o espaço a outros artistas, com diferentes condições. Então, quem estiver interessado em usufruir do ateliê duas vezes por semana, paga 50€. Os preços e as horas vão aumentando, mas o máximo são 20 horas por semana, a 200€. Mas se não estiver interessado em trabalhar, passe por lá para comprar algumas das bonitas peças de cerâmica que fazem e que adornam as prateleiras. E pode sempre inscrever-se num dos workshops de cerâmica. 

Rua das Doze Casas, 72 (Bonfim). Instagram

  • Compras
  • Joalharia
  • Cedofeita

O Tincal Lab é um misto de local de trabalho e de exposição. O espaço funciona como um cowork com quatro mesas de trabalho. Uma para Ana Pina e outra para Olga Marques, as restantes para quem as quiser ocupar pontual ou mensalmente – para saber preços, tem que falar directamente com a responsável. Além do trabalho destas duas joalheiras, no Tincal Lab também vai encontrar peças de outros autores e pode ainda participar em workshops dados por joalheiros convidados.

Rua de Miguel Bombarda, 285. Loja 25 (Baixa). Instagram

Publicidade
  • Arte
  • Galerias

O Instituto tem várias divisões, cada uma com a sua função. No Estúdio de Cowork há quatro postos de trabalho, para aluguer mensal, prontos a serem ocupados por uma única equipa ou por vários trabalhadores independentes. Conte ainda com uma sala de projectos e um mini-estúdio. Todos os espaços estão disponíveis para propostas de ocupação e programação, não havendo tabelas de preços fixas. Mais do que um negócio, o projecto é visto como um ponto de encontro para gente com interesses comuns.

Rua dos Clérigos, 44 (Baixa). Instagram

Para fazer uma pausa

  • Restaurantes
  • Cafés

Nos dias de sol, não há nada melhor do que beber um copo enquanto se faz uma espécie de fotossíntese, até porque é importante não esquecer a vitamina D. Foi a pensar nessa necessidade vital que reunimos as melhores esplanadas no Porto: as que têm uma vista incrível, as que ficam a caminho de casa e até aquelas que juntam o melhor de dois mundos, a praia e os petiscos. Entre nesta lista, ligue aos amigos e combine o próximo encontro. O melhor da vida é isto, não diga que não. Se quiser fazer da varanda lá de casa uma esplanada, abra o computador e encomende cerveja artesanal ou uma boa garrafa de vinho

Recomendado: Os melhores bares de cerveja no Porto

  • Restaurantes

Para tomar um café, beber uma cerveja, almoçar com os amigos ou jantar a dois, a cidade está bem servida de espaços onde dá vontade de passar o tempo. O problema é que quando chega o frio e a chuva ninguém quer estar numa esplanada a tremer enquanto se tenta controlar os talheres. Por isso, aqui tem as melhores esplanadas de Inverno no Porto. Vai encontrar locais com bebidas quentes e bons vinhos e outros que servem refeições reconfortantes, como se quer. Pegue nesta lista e ponha-se a caminho. E bom descanso. 

Recomendado: 10 refúgios para este Outono no Porto

Publicidade
  • Restaurantes
  • Restaurantes

Nesta lista há saladas, açaí e tapiocas, mas também há tostas, wraps e taças de arroz que respiram saúde. Para beber, não faltam as águas aromatizadas, os sumos de fruta e os detox. Pois bem, caro leitor, se é adepto de uma alimentação regrada e muito saborosa, leia o que se segue e descubra os melhores restaurantes saudáveis no Porto. Comer bem é uma tendência e a cidade está cheia de bons exemplos. Seja para um pequeno-almoço reforçado ou para um jantar leve, nesta lista há alternativas para todos os gostos, que lhe chegam a casa através de take-away ou entrega do domicílio. 

Recomendado: Os melhores restaurantes vegetarianos no Porto

 

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade