Porto icon-chevron-right Os melhores restaurantes no Porto e arredores para começar a noite

Os melhores restaurantes no Porto e arredores para começar a noite

Nunca sabe onde jantar com os amigos antes de ir dar um pezinho de dança? Aqui tem os melhores restaurantes no Porto e arredores para começar a noite
O Carniceiro
© Marco Duarte N'OCarniceiro os cocktails são estrelas da carta
Por Teresa Castro Viana |
Publicidade

Quando cai a noite na cidade há sempre um copo. Ou talvez mais. A pensar nisso, fizemos-lhe uma lista com os melhores restaurantes no Porto e arredores para começar a noite, por isso, comece já a reunir o seu grupo de amigos e proponha-lhes uma destas nossas sugestões. Temos de tudo. Dos petiscos à cozinha asiática, passando até por pratos típicos do Peru e por bons nacos de carne. Tudo sempre acompanhado por cocktails clássicos ou de autor, e piscos sour, uma bebida típica daquele país da América Latina. Divirta-se, mas beba com moderação.

Recomendado: Dez sítios para beber cocktails de autor no Porto

Os melhores restaurantes do Porto e arredores para começar a noite

Vogue Café
© DR
Restaurantes, Cafés

Vogue Café

icon-location-pin Galerias

Com pratos nacionais e internacionais que mudam consoante a época, o primeiro Vogue Café da Península Ibérica é também um bom sítio para beber cocktails. Antes, durante ou depois da refeição. Exemplos? O Ton Sur Ton, com Croft Pink, sumo de maracujá, chá de jasmim, espuma de licor de flor de sabugueiro e sumo de ameixa e canela, e o Outfit, que leva Porto Taylor 10 anos, rum Zacapa 23, geleia de marmelo, redução de ginger beer e sumo de lima.

Boa-Bao
© Marco Duarte
Restaurantes, Pan-asiático

Boa-Bao

icon-location-pin Baixa

Comida pan-asiática combina com cocktails de autor e neste restaurante na Picaria eles não faltam. O que também não falta é boa comida para acompanhar, como o sortido de dim sum, os crepes Primavera, o gua bao de pato à Pequim, o caril amarelo da Malásia e o famoso Pad Thai. Se anda à procura de um restaurante diferente do original onde possa aquecer antes de ir dançar, este deve entrar para a lista.

Publicidade
Nogueira's Porto
© Marco Duarte
Restaurantes, Steakhouse

Nogueira's Porto

icon-location-pin Galerias

Uma noite de copos pede um jantar de sustento e no Nogueira’s pode ter as duas coisas. No andar de cima funciona o bar, que merece uma visita sua antes ou depois da refeição. Ou seja, aqui pode beber um aperitivo ou encher-se de gins enquanto abana o esqueleto. Se prevê uma noite animada, então não saia sem encher a barriga de picanha, carret de borrego ou de qualquer outra das especialidades carnívoras da casa. Para beber aposte no Basil Leaf, que leva gin, manjericão e pimenta preta e no Oh Moço!!, um cocktail com sotaque portuense feito com tequila, manga, lima e especiarias.

A Time Out diz
O Carniceiro
© Marco Duarte
Restaurantes, Restaurantes

O Carniceiro

icon-location-pin Santa Catarina

N'O Carniceiro come-se carne na grelha, mas não só. Também há muitos pratos autorais para partilhar com os amigos nas mesas corridas do novo restaurante da cidade. Antes ou depois pode e deve dirigir-se ao bar para provar os cocktails de autor. O Perfect Heist, com licor de figo, vinho do Porto, citrinos e bitter de chocolate preto, e o Go Big or Go Home, com pêssego, alperce, lima e matcha são boas alternativas para começar a noite a beber copos.

Publicidade
Terminal 4450
© João Saramago
Restaurantes, Steakhouse

Terminal 4450

icon-location-pin Leça da Palmeira

Comida à séria pede bebida à séria. E tudo isto é levado em consideração no Terminal 4450, uma meca da carne em Leça da Palmeira. Há sangrias, vinho e cerveja, mas são os cocktails que dão vida à carta de bebidas deste restaurante. O sour de framboesa, com gin, licor June, sumo de lima e polpa de framboesa é ideal para beber antes da refeição. Para acompanhar o Black Angus ou o Tomahawk, experimente o Bafo Picante (se tiver coragem), com rum, jalapeño e chutney de manga, bom para harmonizar com carnes pesadas. Depois do repasto, prove o Mai Tai de Tangerina, com rum, Triple Sec, sumo de lima e polpa de tangerina, e chame um táxi para o deixar no bar ou discoteca mais próximos.

A Time Out diz
Ikeda
© Cláudia Paiva
Restaurantes, Japonês

Ikeda

icon-location-pin Campo Alegre

Se nunca lhe passou pela cabeça começar a noite num restaurante japonês, pense novamente e reserve o seu lugar no Ikeda. De preferência, com cocktails fora da caixa, como o Japanese Pornstar, com saquê, gin, maracujá e baunilha, ou o Wasabi Lover, onde o wasabi e o coulis de morango se juntam a uma base de caipirinha tradicional. Tudo isto para fazer companhia à boa comida nipónica que aqui se serve. O okonomiyaki, uma espécie de panqueca japonesa com marisco, a salada de pepino com alga wakame e a espetada de vieiras com ameixa japonesa são boas alternativas para começar.

A Time Out diz
Publicidade
Mundo
© Marco Duarte
Restaurantes, Global

Mundo

icon-location-pin Baixa

Viajar e comer estão entre as melhores coisas da vida. Viajar a comer também. E neste restaurante na Rua da Picaria é muito fácil fazê-lo. Seja através dos pratos criados pelo chef João Pupo Lameiras – o tataki de presa de porco ibérico, os dumplings de cogumelos e a moqueca de corvina e camarão são algumas das opções – ou através das bebidas. Na carta de cocktails, assinada pelo The Royal Cocktail Club, são os “cocktails do nosso mundo” que fazem a diferença. Se gostar da cultura oriental, prove o Asian Mule, com vodka, lima, cerveja de gengibre e uma espuma de matcha, wasabi e maçã. Ou experimente o Deep In The Colada, com cachaça, ananás, coco e pistáchio, se quiser sair do restaurante a dançar o samba.

A Time Out diz
Mito
© João Saramago
Restaurantes, Fusão

Mito

icon-location-pin Baixa

Apesar de ter um dos melhores menus de almoço da cidade, durante o dia os cocktails não saem como ao jantar (caso contrário, as tardes de trabalho iriam ficar comprometidas). Mas à noite, são uma opção a ter em conta. Afinal, pratos como a cenoura assada com grão-de-bico, feta e hummus, os croquetes de boi velho com maionese de chouriço, o arroz de tamboril e a rabanada de matcha precisam de um acompanhamento à altura. O Kir Vermute Tonic, com vermute tinto, creme de cassis, frutos vermelhos e água tónica é um bom aliado para antes da refeição. Já o Mojito Tropical, com rum, manga, maracujá, hortelã e lima, e o Goiabinha, com cachaça, lima, goiaba e açúcar amarelo, que gritam por dias de Verão, são boas companhias para o jantar.

A Time Out diz
Publicidade
Panca - Cevicheria & Pisco Bar
© Panca - Cevicheria & Pisco Bar
Restaurantes, Peruano

Panca - Cevicheria & Pisco Bar

icon-location-pin Baixa

Com um espírito assumidamente sul-americano, o mais recente projecto de Vasco Mourão e do chef Camilo Jaña não se destaca pela carta de vinhos ou cervejas artesanais. Aqui quem manda é o pisco sour, uma bebida à base de aguardente de uva e limão. Mas o manga sour, uma versão mais tropical da bebida, as margaritas e os mojitos também são boas opções para acompanhar a refeição. Comece com os tacos de tártaro de novilho e as empanadas. Depois, atire-se ao ceviche, como o Peixeirada Pura, com peixe branco, batata-doce e chulpi (uma espécie de milho), ou o Cevichón de Salmão, com quinoa, abacate e manga. Se ainda tiver espaço para a sobremesa, pisque o olho aos churros de dulce de leche com sorvete de maracujá.

RIB - Beef & Wine
© João Saramago
Restaurantes, Steakhouse

RIB - Beef & Wine

icon-location-pin Ribeira

Entrecôte sem osso, vazia maturada com 60 dias, rib eye, chuletón e t-bone são alguns dos cortes de carne que tomam conta desta steakhouse na Ribeira, inserida no hotel Pestana. Mas este não é apenas um restaurante para carnívoros. É, também, um dos melhores spots da cidade para começar a noite. Porquê? Porque às sextas-feiras e sábados há sempre DJ, o que aumenta a vontade de sair do restaurante direitinho para uma pista de dança. E depois porque a carta de cocktails do mundo é a desculpa perfeita para levantar voo sem ter que sair do sítio. O Mamma Mia, com grappa, uma bagaceira italiana, gelado de pizza, manjericão e bitter de orégão; e o African Vibe, com gin, licor Chatreuse, especiarias e canela, são belas opções para acompanhar o repasto.

A Time Out diz

Para continuar a noite

Bonaparte Downtown
© João Saramago
Bares

Os melhores bares no Porto

Não há nada mais terapêutico que uma boa noite de copos entre amigos, certo? Por este motivo, é imperativo saber onde encontrar os melhores bares no Porto, para começar bem a noite ou ficar noite dentro. Conhecer as bebidas da moda ou em que bar se pode sentar a ver a bola também é importante. A pensar nisso, preparamos-lhe esta lista, que inclui os melhores bares na Invicta, mais do que prontos para o receber. Aqui encontra opções para todos os gostos e em todas as localizações. O difícil será escolher. Recomendado: Os melhores bares de praia no Porto

Café Au Lait
© João Saramago
Bares

Os melhores clubes no Porto

É importante saber onde pára a movida noturna portuense para aquelas noites em que só apetece abanar o pezinho, a anca ou outra qualquer parte do corpo. Nos melhores clubes no Porto é obrigatória boa música e, de preferência, uma programação diversificada com DJs e concertos dignos de festivais de Verão. Há disso, sim senhor, e muito mais nesta lista dos melhores clubes da cidade.

Publicidade
Plano B
© DR
Coisas para fazer

Cinco sítios para dançar no Porto

Nada melhor para descontrair do stress do dia-a-dia que abanar o capacete ao som de uma boa música, sozinho ou com amigos. Nesta lista encontra cinco sítios para dançar no Porto, com estilos vão do merengue ao rock.

More to explore

Publicidade