A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Árvore de Natal no Porto
Guilherme OliveiraÁrvore de Natal no Porto

Roteiro com as melhores coisas para fazer este Natal no Porto

Na época mais bonita do ano, há muito para ver, fazer e comprar. De mercados a exposições e espectáculos, descubra tudo o que pode fazer este Natal no Porto.

Escrito por
Mariana Morais Pinheiro
Publicidade

Aldeias de Natal com carrosséis, espectáculos itinerantes e oficinas de sabonetes ou marionetas; degustações de chocolates ou provas de vinhos; concertos de músicos conhecidos ou visitas à casa do Pai Natal, que ouve paciente os pedidos dos mais pequenos, são algumas das actividades que a Invicta e arredores propõem para a mais bela época do ano. Mas não é tudo. Neste roteiro com as melhores coisas para fazer este Natal no Porto encontra ainda árvores de Natal gigantes, espectáculos de video mapping, números de circo, muito teatro, e uma série de mercadinhos, bons para fazer compras de última hora. Tudo sob o brilho das luzes que iluminam a cidade. Boas festas.

Recomendado: Sítios para comprar bolo-rei no Porto

Natal no Porto

  • Coisas para fazer
  • Vida urbana

As luzes acenderam-se na véspera de dia 1 de Dezembro e irão fazer brilhar a Invicta até dia 6 de Janeiro. Durante esse período, a iluminação vai funcionar de domingo a quinta-feira, entre as 18.00 e as 23.00. E às sextas-feiras, sábados e vésperas de feriados até à meia-noite. Tal como nos dois últimos anos – em que as iluminações se estenderam por um total de mais de 80 ruas, praças e jardins da cidade –, a aposta em tecnologia LED de baixo consumo é para manter. E deixam ainda o aviso que, este ano, as luzes estarão ligadas, no máximo, seis horas por dia, de forma a que seja possível atingir uma redução do consumo energético em cerca de 30%. Quanto à tradicional árvore que todos os anos é instalada na Praça General Humberto Delgado, mesmo em frente à Câmara Municipal, é ligeiramente maior que nos anos anteriores e isso significa que tem mais de 30 metros de comprimento e mais de 15 metros de largura.

  • Atracções
  • Parques e jardins
  • Massarelos

A Lapónia vai ficar verde de inveja com a programação natalícia dos jardins do Palácio de Cristal, no Porto. É que este Palácio de Natal será uma espécie de quartel-general das festividades na Invicta e promete uma agenda cheia durante todo o mês. Durante os fins-de-semana e feriados, até à noite da Consoada, há actividades gratuitas que começam às 10.30 e se estendem até ao final da tarde. Pelos jardins, ou na Tenda da Neve, haverá contadores de histórias, palhaços, mágicos, músicos, bailarinos e até um caricaturista. Já na Tenda de Cristal põem-se as mãos à obra: escrever cartas ao Pai Natal, tocar instrumentos de percussão, fazer sabonetes, velas, enfeites ou marionetas são algumas das actividades pensadas para os mais pequenos. Não muito longe, na Avenida das Tílias, conte com um Mercado de Natal com várias banquinhas, onde o artesanato e os produtos regionais estão em destaque. E, se lhe quiser bater à porta, mesmo ao lado fica a casa do Pai Natal, onde o velhinho de barbas brancas anotará os pedidos das crianças.

Rua de Dom Manuel II, Porto. Seg-Qui 14.00-19.00, Sex 14.00-21.00, Sáb 10.30-21.00, Dom e feriados 10.30-19.00. Entrada livre

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Centros culturais
  • Vila Nova de Gaia

O WOW, em Vila Nova de Gaia, transformou-se num verdadeiro calendário do advento, com uma programação natalícia bem apetitosa, num cenário digno de filme. Tem uma árvore de Natal decorada e iluminada, um carrossel na praça central, um comboio que vai estar a circular na grande alameda coberta, uma casa de gengibre e ainda uma Central dos Correios, onde as crianças podem escrever cartas para o Pai Natal. Com sorte, consegue apanhá-lo por lá, a descansar na sua casa. 

Até ao dia 8 de Janeiro, há ainda actividades pensadas especialmente para a época. Conte com workshops de degustação de vinhos ou chocolates, espectáculos de videomapping, sessões de cinema, animação de rua, ateliês infantis, jogos tradicionais, horas do conto para as crianças ou tertúlias para os adultos, como a Lendas e Mitos de Natal, conduzida pelo historiador Joel Cleto. E, como não poderia faltar, o Mercadinho de Natal vai estar recheado de artesãos e marcas nacionais.

Rua do Choupelo, 39, Vila Nova de Gaia. Seg-Dom 10.00-01.00. Entrada livre

  • Atracções
  • Monumentos e memoriais
  • Baixa

O ex-líbris do Porto, por excelência, nunca desilude, especialmente em épocas tão festivas quanto estas. Vai daí, apresenta um programa recheado durante todo o mês. Ele é exposições, como a “Comigo Viverás”, uma mostra dos trabalhos do ceramista Delfim Manuel; ele é músicas de natal de carrilhão, em que às 11.00 e às 16.00, todos os dias, se ouve o som dos 49 sinos do Carrilhão da Torre dos Clérigos, entoando cânticos típicos natalícios; ele é visitas à noite, através da iniciativa “Clérigos by Night” (16 Dez – 8 Jan; 5€); mas também espectáculos de videomapping, como o “Spiritus” (de terça a domingo, em vários horários; 9€); e Autos de Natal que contam a história da vida de Cristo, desde o seu nascimento à ressurreição (dia 15 às 21.30). No dia 12 celebra-se o aniversário dos Clérigos e, como tal, a data não vai passar em branco. Neste dia será inaugurada, às 18.00, a Sala dos Legados dos Presidentes, que dará a conhecer os principais presidentes da irmandade, assim como mostrará algumas das peças doadas e/ou adquiridas pelos mesmos nos últimos anos.

Rua de São Filipe de Nery. 22 014 5489. Seg-Sáb 09.00-19.00. Dom 09.00-19.00 / 21.30-22.30.

Publicidade
  • Atracções
  • Espaços públicos
  • Santa Catarina

A Praça da Batalha, no Porto, recebe, até dia 30, o Mercado da Alegria em versão natalícia. Com as típicas casinhas de madeira a que já estamos habituados a encher a praça, dentro delas há muitas e boas sugestões para rechear as meias lá de casa que aguardam presentes penduradas sobre a lareira. Feitas por artesãos locais, vai cruzar-se com brinquedos, bijuteria e peças de decoração para a casa, entre outras coisas. Para compor a sua mesa de Consoada, espreite as barraquinhas que vendem doces e produtos regionais. Não se vai arrepender.

Praça da Batalha (Porto). Seg-Qui e Dom 10.00-20.00. Sex-Sáb 10.00-22.00. Dia 24 fecha às 17.00.

Mercado de Natal – Artes e Ofícios
© Filipa Brito / Câmara Municipal do Porto

Mercado de Natal – Artes e Ofícios

Cerâmicas, lãs, brinquedos em madeira, vestuário em couro, sabonetes artesanais, queijos, enchidos e licores. Esta é só uma pequena amostra do que vai encontrar se fizer uma visita ao mercado Artes e Ofícios, que está instalado até dia 24 de Dezembro na Avenida Dom Afonso Henriques, perto da Estação de São Bento, na Invicta.

Avenida D. Afonso Henriques (Porto). Dom-Qui 11.00-19.30. Sex-Sáb 11.00-22.00. Dia 24 fecha às 15h.

Publicidade
  • Música
  • Jazz
  • Baixa
  • preço 1 de 4

A Cooperativa Árvore, uma importante instituição cultural que em 2023 celebra 60 anos ao serviço da comunidade portuense, propõe uma série de trabalhos artísticos, dos seus artistas associados, para este Natal. Se anda à procura daquele presente especial, é bem provável que o encontre aqui. Até dia 30 de Dezembro, a Árvore vai ter à venda peças de escultura, pintura, obra gráfica, cerâmica, design e joalharia de autor, livros de arte, catálogos e peças de mobiliário. É de aproveitar. 

Rua Azevedo de Albuquerque, 1 (Porto). 22 207 6010. Seg-Sex 10.00-19.30. Sáb 14.00-19.30. Dia 24 10.00-14.00.

Bazar de Natal de Serralves
©DR

Bazar de Natal de Serralves

Até dia 24 de Dezembro, a Fundação de Serralves disponibiliza, online, um sem fim de possibilidades para a sua troca de presentes, ideias que irão, seguramente, agradar do avô ao neto, da tia à sobrinha. Por lá vai encontrar peças com design original, brinquedos premiados, acessórios de moda, velas e sabonetes perfumados, peças de decoração para a casa, produtos gourmet, material de escritório e muito mais. Só para ficar com uma ideia, um kit de construção de um hotel para insectos ou um chapéu Fedora cheio de pinta são apenas algumas das muitas sugestões que irá encontrar por lá.

Publicidade
  • Música
  • Santa Catarina

Inspirada na fábula “Os Gigantes da Montanha”, que Luigi Pirandello não teve tempo de terminar, a edição do Circo de Natal Coliseu Porto Ageas, deste ano, conta a história de uma companhia de circo em fuga da cidade, depois de uma série de espectáculos que deram para o torto. Perdidos no deserto, pelo caminho encontram um grupo de “azarentos” a quem decidem mostrar os seus números de dança, magia, fogo, malabarismo e clown. A estas apresentações juntam-se muitas outras que o vão deixar (tal como aos “azarentos”) de cabelos em pé, como a impressionante sessão de suspensão capilar; as piruetas na roda cyr; ou outras mais arriscadas e assustadoras na roda da morte. Tudo num cenário fustigado por tempestades de areia e por onde deambulam vermes gigantes e pirilampos de luz verde. O Circo de Natal do Coliseu, que acontece desde 1941, conta, nesta edição, com mais de 30 artistas oriundos de vários países, como Portugal, Brasil, Costa Rica, França, Polónia e Rússia. Vão estar a mostrar as maravilhas do circo – de 8 de Dezembro a 8 de Janeiro –, acompanhados pela música ao vivo do compositor Ramón Galarza. Uma nota ainda para duas grandes e importantes novidades: pela primeira vez estarão disponíveis os serviços de Língua Gestual Portuguesa e de Audiodescrição para invisuais ou pessoas com muito baixa visão.

Rua de Passos Manuel, 137. 22 339 4940. Qua-Dom 10.00; 14.00; 21.00. 9€-19€.

  • Coisas para fazer
  • Grande Porto

A célebre história de Dorothy e dos seus improváveis companheiros de aventuras – um leão medricas, um homem de lata, um espantalho que sonhava ter um coração e o seu fiel amigo de quatro patas, Totó – recebe um twist para se adaptar à época natalícia. O Feiticeiro de Oz no Gelo mistura teatro, dança, música, ilusionismo e muitas piruetas em cima de um palco em gelo natural. Em cena até 8 de Janeiro, na AM Arena, no exterior do MAR Shopping Matosinhos, o espectáculo tem Miguel Cristovinho, dos D.A.M.A., e Rita Redshoes como cabeças de cartaz, que dão vida às personagens Feiticeiro de Oz e Glinda, a bruxa boa. O Feiticeiro de Oz no Gelo conta ainda com “as melhores tecnologias na área cénica”, anunciam, por isso, prepare-se para “experiências imersivas e sensoriais” e para assistir a espantosos “voos” de personagens. Consulte a sua agenda e procure aqui a data que mais lhe agrada. Bom espectáculo. 

Avenida Dr. Óscar Lopes (Leça da Palmeira). As sessões acontecem em três horários diferentes, às 11.00, às 15.00 e às 18.00. 13€-19,50€. 

Publicidade
  • Atracções
  • Parques e jardins
  • Massarelos

Saint Dominic’s Gosper Choir (dia 11) e, na foto, Nuno Lanhoso, que irá tocar com Os Quatro e Meia (dia 17), vão ocupar o palco instalado em frente ao Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota, nos Jardins do Palácio de Cristal, no Porto. Os espectáculos começam às 18.00, são de entrada livre e prometem aquecer o ambiente festivo. Mas este não será o único sítio a dar-lhe música durante este mês. Pelos jardins, na Tenda da Neve ou na Concha Acústica, irão actuar bandas de jazz, coros tradicionais e formações de estudantes. É ficar atento. 

Rua de Dom Manuel II. 18.00. Entrada livre.

 

Porto Sounds Secrets
©DR

Porto Sounds Secrets

Nem só de Mariah Carey e Wham! se faz a banda sonora da época pelas ruas da cidade. A iniciativa Porto Sounds Secrets leva nomes reconhecidos da pop nacional a cenários pouco habituais. A 10 de Dezembro, os Best Youth (na foto) tocam no Quartel do Monte Pedral (Rua de Serpa Pinto, 309), e dia 18 é a vez de Joana Almeirante no Museu do Carro Eléctrico (Alameda de Basílio Teles, 51). Com início marcado às 18.00 (as portas abrem uma hora antes), os 250 lugares disponíveis podem ser ocupados gratuitamente por ordem de chegada.

Publicidade
  • Música
  • Música ao vivo
  • Boavista

Cinderela e Noite de Paz, Noite de Amor são os dois trunfos que a Casa da Música saca da manga mesmo a tempo do Natal. O primeiro concerto – uma adaptação do compositor Prokofieff, juntamente com o cenógrafo Nikolai Volkov, sobre a versão de Charles Perrault, de 1697 – contará com a estreia da jovem maestrina búlgara Delyana Lazarova na direcção da Orquestra Sinfónica. Por sua vez, Missa Cellensis em Dó maior, uma das mais importantes obras de Joseph Haydn, será interpretada pela Orquestra Barroca e pelo Coro Casa da Música. 

Avenida da Boavista 604-610. 22 012 0220. Cinderela: 16 Dez, 21.00; 17 Dez, 18.00. Noite de Paz, Noite de Amor: 20 Dez, 21.00; 21 Dez, 21.00. 18€-22€

  • Música
  • Música ao vivo
  • Boavista

Apresentam esta digressão natalícia, que acontece durante o mês de Dezembro, como um espectáculo conceptual. Do Minho ao Algarve, a banda de António Manuel Ribeiro vai andar a tocar pelo país canções escolhidas a dedo do repertório do grupo, que conta mais de 40 anos de carreira, assim como alguns dos maiores êxitos de Natal da história da música. Prepare-se, portanto, para ouvir temas como Rua do Carmo, intercalados com clássicos como Morning Has Broken, originalmente cantado por Cat Stevens ou Hallelujah, de Leonard Cohen. O último concerto Podia Ser Natal está marcado para dia 30, na Casa da Música. Antes disso, os UHF vão dar espectáculo em Marco de Canaveses (dia 10), Vila Franca de Xira (dia 11), Castro Verde (dia 17), Mealhada (dia 18), Arcos de Valdevez (dia 19) e Fafe (dia 23). Em cada uma das actuações, o grupo de Almada será acompanhado por um coro juvenil local. Promete.

Avenida da Boavista 604-610. 22 012 0220. 21.30. 22,50€

Mais Natal nas redondezas

A maior Árvore de Natal do país está em Ermesinde
©Junta de Freguesia de Ermesinde

A maior Árvore de Natal do país está em Ermesinde

A maior árvore de Natal do país, com uns gigantescos 55 metros de altura, assentou arraiais em Ermesinde, mais concretamente, no Parque Urbano da cidade, e a fazer-lhe companhia nas dimensões épicas e nas luzes brilhantes está a Bola Gigante, com morada temporária na Praça Machado dos Santos, em Valongo. Há ainda luzes de natal espalhadas por ambas as cidades, claro, e por esta altura o leitor já deverá estar a fazer, certamente, cara feia à conta de electricidade. Empenhada na poupança energética, a Câmara Municipal de Valongo anunciou que, este ano, as luzes LED vão estar ligadas menos horas durante o dia (menos duas horas em relação a 2021) e durante menos dias (menos 23 dias quando comparado com o ano passado). Desta feita, a iluminação natalícia, que ficará ligada até dia 8 de Janeiro, iluminará as cidades durante 225 horas que, feitas as contas, serão menos 251 horas que no último Natal. Tal medida, estimam, irá reduzir em 52,73% o consumo energético da iluminação festiva. A par das iluminações, há muito para fazer. Passeie pelas aldeias natalícias; visite exposições de presépios; assista a peças de teatro para bebés, espectáculos de marionetas, musicais e concertos; ou meta as mãos na massa com a ajuda da Oficina da Regueifa e do Biscoito de Valongo.

Perlim
©DR

Perlim

A Lapónia está para a Finlândia, como o Perlim está para Santa Maria da Feira. Quem ama verdadeiramente o Natal garante, todos os anos, uma visita a uma das mais natalícias aldeias do país. É que aqui não se poupam esforços quando se trata de animar a pequenada nesta época do ano. Só para ficar com uma ideia, para esta edição criaram oito espectáculos originais. O Meteorito Mágico, o Mistério de Perlim, Isabela e o outro lado da Magia ou A Varinha Desaparecida são apenas algumas das peças de teatro, que misturam dança, música e muitos momentos de interacção, que fazem parte deste rechonchudo programa até dia 30 de Dezembro. Entre espectáculos, leve os mais pequenos a dar uma volta nos carrosséis ou no comboio mágico; visite a Lapónia, onde mora o Pai Natal; deixe-os aventurarem-se nas actividades de slide e arvorismo; e incentive-os a dar tudo na Perlim Arena, a mini-discoteca com música animada. Quando estiverem cansados demais para se mexerem, reserve lugares para assistirem em família às acrobacias do Circo Magikal. Para os adultos, há uma exposição de presépios e um mercado de Natal (e já vão com sorte).

Quinta do Castelo (Santa Maria da Feira). Seg-Dom 13.30-19.00. Encerrado nos dias 12, 13, 14, 24, 25, 30, 31 de Dezembro e 1 de Janeiro. 6€-8€ (gratuito para menores de dois anos)

Publicidade
Mercado de Natal de Braga
©Sérgio Freitas

Mercado de Natal de Braga

A cidade minhota tem, pela primeira vez, um mercado de Natal à semelhança dos mercados europeus que, nesta época, brotam como cogumelos um pouco por toda a parte. Coberto e instalado na Praça Municipal, além das banquinhas de artesanato, produtos regionais, doces, gelados, bebidas quentes e chocolates, há um carrossel para os mais novos e um palco com uma programação variada, que vai dos concertos de Natal às peças de teatro, dos espectáculos de dança às exibições de novo circo.  

Praça Municipal (Braga). Seg-Qui e Dom 10.00-19.00. Sex-Sáb 10.00-22.00. Dia 24 fecha às 14.00.

Mais Natal no Porto

  • Compras

A época natalícia vem carregada de presentes, mas também de uma grande carga de stress. Como queremos que poupe tempo, decidimos facilitar-lhe a vida com uma lista de algumas das melhores lojas do Porto para comprar presentes de Natal. Nelas há produtos e objectos de diferentes marcas e artistas, capazes de agradar a qualquer um: mãe, pai, tio, prima, sobrinho ou amigo secreto. Agora só precisa de pegar na sua lista e começar a pensar em que prendas comprar. Livros, roupa, jóias ou perfumes – vai encontrar um pouco de tudo aqui. 

Recomendado: Os melhores mercados de Natal no distrito do Porto

  • Compras
  • Confeitarias

Nesta altura do ano não é difícil encontrá-lo onde quer que vá (supermercados, confeitarias, lojas gourmet e por aí fora). Para o ajudar a escolher um exemplar como deve ser para a sua mesa de Natal, elegemos seis sítios para comprar bolo-rei no Porto. Se o tradicional não é o seu favorito, não desespere, porque nesta lista também encontra locais que vendem outras opções. Com as festas à porta, aproveite também para saber onde comer as melhores rabanadas e aletrias da cidade. 

Recomendado: As melhores coisas para fazer no Natal no Porto

Publicidade
  • Filmes
  • Animação

O Natal é uma animação, em todos os sentidos. A pensar nisso, reunimos numa só lista os melhores filmes e desenhos animados de Natal. Há desde animações clássicas e tradicionais como Feliz Natal, Charlie Brown ou Um Conto de Natal do Mickey, a outras mais recentes que recorrem a tecnologia digital para contar as suas histórias, como Polar Express, dirigida por Robert Zemeckis em 2004, ou Klaus: A Origem do Pai Natal, realizado este ano por Sergio Pablos e a primeira longa-metragem de animação original da Netflix.

Recomendado: Os melhores filmes de Natal para ver em família

 

  • Música

Estamos naquela época do ano em que as rádios, as ruas e as lojas se enchem de cantigas com coros e sininhos. As mesmas canções que já ouvimos centenas de vezes, em todos os Dezembros da nossa vida. Mas há algo de mágico numa boa canção de Natal, muito melhor para entrar no espírito natalício do que neve de esferovite ou luzes psicadélicas. Há boas canções de Natal e clássicos que não se podem mesmo evitar. Perguntámos a músicos portugueses – ou que fizeram de Portugal a sua casa – qual a sua música preferida desta época. As escolhas são pontuadas pela espiritualidade, as memórias em família e as melodias bonitas. A todos um bom Natal.

Recomendado: As melhores lojas para comprar discos de vinil no Porto

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade