A Lisboa que teria sido

Arte, Suporte misto Museu de Lisboa - Palácio Pimenta , Campo Grande/Entrecampos/Alvalade Até Domingo 25 Junho 2017
  • 4 /5 estrelas
(1comentário)
0 Gostar
Guardar

Imaginar. É sobretudo isso que esta exposição permite. São cerca de 200 projetos, maquetas, desenhos e propostas apresentadas para Lisboa, entre os séculos XVI e XX mas que nunca chegaram a ganhar corpo. Propostas de arquitetos, urbanistas, gente como Cottinelli Telmo, Cassiano Branco ou Francisco de Holanda. Comissariada pela historiadora Raquel Henriques da Silva e por António Miranda Direcção de Cultura da CML), está patente até Junho no Pavilhão Preto do Museu de Lisboa.

Por Maria Ramos Silva

Publicado:

Nome do local Museu de Lisboa - Palácio Pimenta
Contato
Endereço Palácio Pimenta
Campo Grande, 245
Lisboa
1700-091
Horário Ter-Dom 10.00-18.00
Transporte Metro Campo Grande

Average User Rating

4 / 5

Rating Breakdown

  • 5 star:0
  • 4 star:1
  • 3 star:0
  • 2 star:0
  • 1 star:0
LiveReviews|1
1 person listening
Sónia C

Só por si, entrar neste Museu é uma experiência e tanto. A arquitectura do Palácio remete-nos para um tempo que não vivemos, mas que imaginamos. Atravessamos depois um jardim inspirador até chegar, aí sim, à sala de exposições. É ir com tempo porque a viagem à Lisboa que Teria Sido merece toda a atenção. E paixão! Para ver, ler, observar e, claro, imaginar como seria a nossa cidade se todos - ou uma parte - daqueles projectos tivessem sido aprovados. Maquetes, desenhos, plantas, rascunhos, sonhos, loucuras e uma lição de história sobre a nossa cidade, o que é e o que não foi. Para entendidos em arquitectura e para leigos, como eu, mas apaixonados por Lisboa.