Cidades de Papel

Arte Gratuito
construção do ABC-zinho
©DR Hidroavião Lusitânia, des. Filipe Rei, construção do ABC-zinho, n.14, 1922

A Time Out diz

As separatas das publicações infantis eram uma oferta adicional no interior dos fascículos de revistas de histórias aos quadradinhos que começaram a integrar pequenas e simples separatas a partir de 1903 com O Gafanhoto. Mas é em 1921, com o ABCzinho, que adquirem mais qualidade pela mão do arquitecto e cineasta Cottinelli Telmo, em construções litografadas a duas cores. No final da década de 1920, os jornais também passaram a incluir separatas, algumas com construções de armar, uma tendência que terminou no final dos anos 80, embora não esteja totalmente esquecida.

Detalhes

Website Evento http://www.bnportugal.gov.pt
Telefone do evento 21 798 2168
Também poderá gostar