Debaixo do Vulcão

Arte, Instalação

Como tantos outros artistas contemporâneos, Hugo Canoilas aspira a uma realidade onde a deformação daquilo que conhecemos como tempo e espaço é o primeiro passo para a reflexão. Para isso fez uma série de intervenções no espaço, no interior e no exterior do MNAC, algures entre a ideia de filme e a de exposição. O título “Debaixo do Vulcão” é roubado – em forma de homenagem, claro – ao romance de Malcom Lowry. Um aglomerado de referências que pode ser visto até dia 26 de Março.

Publicado:

LiveReviews|0
1 person listening