Desert Island Paint

Arte, Suporte misto Gratuito
Desert Islands Paint - Paulo Quintas - Global
©Paulo Quintas

A exposição nasce do fascínio de Paulo Quintas por ilhas desertas

Porque estão bem delimitadas, porque são espaços isolados e apartados do resto do mundo, e porque são autênticos recreios para se dar largas à imaginação e para se experimentar. Eis a premissa de “Desert Island Paint”, a terceira e última exposição de um ciclo levado à Fundação Portuguesa das Comunicações pela Galeria Bessa Pereira. Cada peça de alguma forma representa uma ilha. O conjunto de 19 obras deve tanto à pintura como à raspagem sobre papel e sobre tela. O processo de raspagem é mais ou menos imprevisível e o artista foi aceitando o acaso dele resultante e incorporando-o no seu trabalho. No final, há um diálogo entre linhas gráficas e o vazio branco da raspagem, tão ou mais importante do que a tinta que se manteve no lugar. O resultado é um arquipélago de estímulos a merecer uma visita.

Por Mauro Gonçalves

Publicado:

LiveReviews|0
1 person listening