A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Lisboa tem uma nova armadilha para turistas: O Mundo Fantástico da Sardinha Portuguesa

Por
Luis Leal Miranda
Publicidade

Se há dez anos lhe dissessem que ia abrir no Rossio uma loja de sardinhas em lata decorada com temática circense chamada O Mundo Fantástico da Sardinha Portuguesa, acreditava? 

Não, não é um sonho. Desde esta quinta-feira que pode ir à esquina da Praça D. Pedro IV com a Calçada do Carmo abastecer-se de conservas. E o que têm estas conservas de especial? Estão numeradas de 1916 a 2016 e decoradas com um pouco de trivia sobre o ano em questão. Se tem alguma afinidade ao ano de 1996, aquele em que nasceu a ovelha Dolly, pode comprar uma lata de sardinha a assinalar o facto. Se o que procura é uma maneira diferente de festejar o fim da II Guerra Mundial, então a lata de 1945 é para si. As cantoras Adele e Rihanna nasceram em 1988, sabia? Há uma lata de sardinha disposta a recordar-lhe isso. E só custa 5€.

Dentro de cada uma das latas estão sardinhas portuguesas em azeite da Comur, Fábrica de Conservas da Murtosa. E cada conserva tem exactamente o mesmo conteúdo, independentemente do ano assinalado na embalagem – uma sardinha do ano em que foi inventado o nylon tem exactamente o mesmo sabor do peixe contido na lata que anuncia o último Campeonato Europeu de futebol, ganho por Portugal.

A espalhafatosa loja, que às cinco da tarde de hoje estava cheia, é dos mesmos donos do polémico Pastel de Bacalhau com Queijo da Serra.
 

Últimas notícias

    Publicidade