A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Micaela e as noivas do Benfica

Por Mauro Gonçalves
Publicidade

Do que é que precisa um clube de futebol para ser o primeiro, no mundo, a ter uma colecção de vestidos de noiva? O mínimo de bom gosto, uma designer que, pelo menos, simpatize com as cores do clube e uma massa associativa feminina suficientemente entusiasta para querer entrar na igreja com um destes. Reunidas as condições, quem disse sim foi Micaela Oliveira, que apesar do sotaque do Norte, é para a Luz que se lhe inclina o coração.

 

  

“Acho que não deixei nenhuma mulher benfiquista de fora”, comenta Micaela. E com isto, a criadora quer dizer que desenhou vestidos para vários tipos de noiva. Rendas brancas para as mais conservadoras, um vestido vermelho de penas (diga olá à águia Vitória), com um cinto de corais a acompanhar. Isto, para as mais desinibidas, está-se mesmo a ver, mas também para as mais endinheiradas. É, precisamente, o vestido mais caro da colecção e custa 10 mil euros. No fim de contas, estes vestidos não diferem assim tanto dos que normalmente saem do ateliê da designer, que, já agora, está nestas andanças há coisa de 20 anos. Tule e musseline com fartura e caudas bem avantajadas. O forro vermelho é que não deixa dúvidas: lá vai uma papoila saltitante a caminho do altar. 

A colecção foi lançada esta semana: 24 vestidos de noiva, 12 vestidos de gala (com instruções de utilização ao critério de cada cliente) e quatro modelitos a pensar nas convidadas de idade mais tenra. Porquê, Benfica? A dúvida apoquenta-nos e o Glorioso esclarece. “O Benfica deve estar presente nos grandes momentos da vida de uma benfiquista”, afirma, em conversa com a Time Out, José Simão, porta-voz do clube neste projecto desenvolvido em parceria com a Lisbon Lux Brands. Na última década, o número de sócias aumentou significativamente e também os pedidos cada vez mais específicos que começaram a chegar à loja, desde braçadeiras a cintos de ligas alusivas ao clube. Desta, o Benfica não estava à espera, mas entretanto preparou-se.

E a designer que pensava que o Benfica só vendia artigos de desporto... De uma grande surpresa não se livrou. Aceitou a missão sem perceber muito bem a verdadeira dimensão do desafio, se bem que já uma ou outra esposa de jogadores do Futebol Clube do Porto lhe tinha aparecido com encomendas algo extravagantes. A colecção limita-se a um exemplar de cada modelo e está disponível no site e no showroom da Lisbon Lux Brands. Para já, ainda não há certezas quanto à continuidade do negócio. Pelo que soubemos, o Benfica não põe de parte a possibilidade de colaborar com outros designers portugueses. Resta esperar para ver quando é que este novo mundo habitado por clubes de futebol e moda nupcial fica ainda melhor.

Últimas notícias

    Publicidade