A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Sabe qual é o prédio mais medalhado de Lisboa?

Por
Luis Leal Miranda
Publicidade

Não são uma, nem duas, nem oito. São sete, sete placas evocativas numa única fachada, a do número 6 da Rua João Pereira da Rosa, no Bairro Alto. O motivo de tanta distinção é simples: este prédio centenário de três andares teve vários inquilinos célebres. Foi lá que viveu o historiador Joaquim Pedro Oliveira Martins, o pintor modernista Bernardo Marques e o seu colega das letras, o poeta José Gomes Ferreira. Outro ilustre vizinho foi o escritor, jornalista, diplomata e tudo e tudo e tudo, António Ferro.

O escritor Ramalho Ortigão teve ali o seu último endereço. “Neste prédio viveu e em 27 de Setembro de 1915 faleceu o grande escritor Ramalho Ortigão”, lê-se na placa ali colocada pela Comissão Administrativa do Município, em 1935.

A lista dos ilustres fica completa com duas senhoras: Fernanda de Castro, escritora e fundadora dos jardins escola passou por aqui e ter-se-à cruzado muitas vezes nas escadas com a ilustradora de livros para crianças Ofélia Marques.

Com este elenco, o número 6 desta rua inclinada do Bairro Alto deve ter tido algumas das melhores reuniões de condóminos de sempre.

Últimas notícias

    Publicidade