A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Cursos, workshops e aulas para fazer até ao final da semana

Costura, tapeçaria, doçaria, reciclagem ou flamenco – entre no Outono a aprender coisas novas. Vá a correr: é para agora

Escrito por
Hugo Torres
Publicidade

Há muito para aprender ao longo do ano. Mas se o fim do Verão o deixou exasperado, se é um entusiasta do ano lectivo ou quer convencer os miúdos que é bom ir para escola, dando o  exemplo, então comece já. Pode atirar-se às castanhas de ovos, aos dom rodrigos ou às cornucópias, às compras a granel, à ecologia neonatal ou ao património imaterial que junta judeus, mouros e ciganos num pezinho de dança – o flamenco. Escolha um e increva-se sem perder tempo: estes cursos estão mesmo a arrancar.

Recomendado: Os melhores sítios para praticar yoga em Lisboa

Cursos para os próximos dias

  • Coisas para fazer
  • Aulas e workshops
  • São Sebastião
  • preço 2 de 4

Aqui pode iniciar-se no bordado e no macramé, no fofo de bebé  em tricot, no amigurumi ou fazer um workshop verde de iniciação à costura, para criar o  seu saco de compras reutilizável. Ou passe directamente para os cursos de lingerie (21 Setembro a 19 Outubro) e de modelagem e confecção de fatos de banho (25 Setembro a 13 Novembro).

40€-250€. Inscrições: geral@companhiadasagulhas.pt, 92 549 3605. Rua Cardeal Mercier, 23B.

Ecologia para pais
  • Coisas para fazer
  • Aulas e workshops
  • Alcântara

Os filhos são um bom motivo para se preocupar com o futuro  do planeta. Se é o seu caso, reserve o dia para estas duas  experiências, uma mais fácil –  Babywearing: benefícios, opções  e como utilizar os porta-  bebés – e outra mais difícil – Fraldas  reutilizáveis: mais económicas, mais ecológicas, mais bem-estar. Salve o mundo com um workshop de cada vez.

29 de Setembro. Gratuito. Inscrições: lojaorganii@organii.pt, 21 821 8519. Lx Factory.

Rentrée 2018

  • Música

Desde figurões do samba como Zeca Pagodinho a históricos cantauroes portugueses como Fausto Bordalo Dias (ainda por cima a cantar a sua trilogia sobre a diáspora), passando por nomes cruciais da música anglo-saxónica como os Low, há muita música para ouvir até ao final do ano. Portanto, tem de se organizar. Não faz contas para as suas contas? Não cria tópicos e lembretes telefónicos para bater tudo certo e o orçamento esticar até ao final de cada mês? É encarar os concertos como o IMI ou o IUC e escolher ao que vai.

  • Coisas para fazer

Voltar. É o verbo que está na cabeça de quase toda a gente. Voltar a casa. À cidade, às rotinas, ao trânsito, ao escritório. Para os que estão sempre no ir, jamais sentindo saudades, o regresso é doloroso. Mas o cenário para os próximos meses é bem animador animador: até ao final do ano, há mais de uma dezena de eventos em Lisboa que não vai querer não perder. Apanhámos boleia da agenda da cidade até ao final do ano. Olhámos para a bola de cristal, vimos o futuro e trazemos-lhe o melhor da cidade que está para vir. Nem vai notar que as férias acabaram. 

Publicidade
  • Filmes

Apesar de ainda existirem muitos canais e produtoras com o trabalho de casa por fazer no que toca à rentrée, já é possível perceber o que vamos poder ver na televisão (ou no telefone, no tablet ou no computador) nos próximos meses. Há regressos esperados há muito tempo, despedidas difíceis e novidades que prometem ser boas. Por agora, deixamos-lhe dez títulos com estreias anunciadas até ao final de 2018 que não pode mesmo perder. O mais provável é que nas próximas semanas se anunciem mais novidades, tendo em conta as estreias internacionais ainda sem data em Portugal. Seja como for, não vão faltar motivos para não sair do sofá. 

  • Museus
  • Arte e design

No que depender destes museus, está sempre bom tempo, pelo menos artisticamente falando. À procura de programa para as próximas semanas e meses? Há exposições que valem mesmo a pena, das que estão quase a chegar ao fim às que ainda nem inauguraram. O importante é não perder o fio à meada, para que não lhe falte ocupação ao longo dos fins-de-semana dos próximos meses. É aqui que entramos nós, com um roteiro de exposições que tem que ver até ao fim do ano em Lisboa, e que tem tudo para ir crescendo.  

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade