Demythologise that History and Put it to Rest

Coisas para fazer
Kiluanji Kia Henda
Kiluanji Kia Henda

Márcio Carvalho convidou artistas de Angola, Camarões, Gabão, Iraque, Moçambique e Portugal para apresentar performances ao vivo e discussões públicas. Foi em Berlim que começou a intervenção sobre a estátua de Otto Von Bismark, em Abril. Objectivo: "desmitologizar as narrativas em torno desses monumentos e sua influência sobre os vários aspectos da lembrança e do esquecimento público".

Tudo começou com Colonial Neighbours, um arquivo e projecto de investigação sobre a história colonial da Alemanha, promovido pela SAVVY Contemporary, uma galeria sedeada naquela cidade alemã. É a partir deste gancho que o artista português criou "Demythologise that History and Put it to Rest", trabalho desenvolvido em parceria com o Hangar - Centro de Investigação Artística que apela a uma memória formada por estátuas, monumentos, nomes de ruas e outros memoriais coloniais.

A reflexão chega agora Lisboa, e o ponto de referência é a escultura do rei Carlos I, no Palácio da Ajuda. Dia 26 de Maio, pelas 16.00, intervêm Kiluanji Kia Henda (Angola) e Lavoisier (Portugal). A 2 de Junho, a performance está por conta de Ângela Ferreira (Moçambique) e do próprio Márcio Carvalho.