Feira da Ladra

Coisas para fazer , Mercados e feiras Gratuito
0 Gostar
Guardar

É um clássico alfacinha, mas até um clássico (ou sobretudo por isso) se presta a novidades. Senão vejamos: se fizer uma busca no Google por “Feira da Ladra” é possível que esbarre nos dois principais motivos de interesse com que nos deparámos ao escrever este texto. Por um lado, Lisboa tem um novo mural de azulejos com 188 metros de comprimento. Já lhe tínhamos falado da obra, da autoria de André Saraiva, que só vem vincar a vontade de ir à cata de velharias e outros achados. Por outro lado, podemos falar de Zezinho, vítima de agressões no bairro da Ameixoeira. O rapaz, protagonista de uma reportagem num canal televisivo, afirmou frente ao microfone que “tinha acabado de fazer uma ganza” quando tudo aconteceu, e que em sua posse tinha uma faca, “pequena”, que acabara de comprar “na feira da Ladra”. Conselho? Compre qualquer coisa, mas aconteça o que acontecer, não seja Zezinho.