Carta

Dança
teatro
Teatro Nacional D. Maria II

A Time Out diz

Partindo de uma sinfonia, tocada ao vivo, Mónica Calle volta a desafiar intérpretes a reflectirem consigo sobre um lugar de questionamento que surge do corpo, das suas limitações e capacidades, ou não, de superação. Como é que se continua? Como resistimos e como nos superamos, individual e colectivamente? E como, nesse processo, é possível resgatar a alegria, o prazer?

Detalhes

Também poderá gostar