A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
O Regresso de Mary Poppins
©DisneyO Regresso de Mary Poppins de Rob Marshall

Cinco filmes para ver no Dia da Mãe

Vá ao cinema sem sair de casa, com o MEO VideoClube.

Time_Out_em_associação_com_MEO
Publicidade

Mãe há só uma e temos de mimá-la. Normalmente, no Dia da Mãe, os mimos resumem-se a um almoço ou jantar em família e fora de portas, acompanhado por um presente, nem que seja uma flor. Mas por que não ficar em casa e ver um filme do MEO Videoclube? Ou cinco.

Cinco filmes para ver no Dia da Mãe

O Piano (1993)

1. O Piano (1993)

Premiado com a Palma de Ouro em Cannes e três Óscares (em oito nomeações), O Piano foi um sucesso junto da crítica e do público. Realizado, produzido e escrito pela neo-zelandesa Jane Campion, o filme conta a história de uma pianista surdo-muda (Holly Hunter), que dá por si num triângulo amoroso, e da sua filha (Anna Paquin).

Mamma Mia! (2008)

2. Mamma Mia! (2008)

Primeiro houve a canção dos Abba. Depois veio o musical. E em 2008 estreou-se esta fita de Phyllida Lloyd em que uma noiva (Amanda Seyfreid) convida três homens (Pierce Brosnan, Colin Firth e Stellan Skarsgård) que estiveram romanticamente envolvidos com a mãe dela (Meryl Streep) para o seu casamento, na esperança de descobrir qual deles é o seu pai.

Publicidade
Mamã (2014)

3. Mamã (2014)

Vencedor do Prémio do Júri no Festival de Cannes. Uma mãe solteira viúva com muita garra dá por si com o fardo de ter a guarda exclusiva do seu filho de 15 anos, que sofre de Perturbação de Hiperatividade e Défice de Atenção. Enquanto tenta sustentar ambos e lida com esta situação difícil, Kyla, a nova e peculiar vizinha da frente, oferece-se para a ajudar. Juntos encontram um novo sentido de equilíbrio e esperança.

Assim Nasce Uma Estrela (2018)
©2018 Warner Bros

4. Assim Nasce Uma Estrela (2018)

Lady Gaga é a grande revelação do mais recente remake de Assim Nasce Uma Estrela, dirigido e co-protagonizado por Bradley Cooper. Mas a sua interpretação não é a única razão para assistir a esta nova versão, porventura mais crua e credível, da história de uma artista talentosa que é ajudada por um veterano que já conheceu melhores dias.

Publicidade
O Regresso de Mary Poppins (2018)
©Disney

5. O Regresso de Mary Poppins (2018)

Mais de mais século depois da estreia do original, a Disney trouxe Mary Poppins de volta neste filme de Rob Marshall. Emily Blunt substitui Julie Andrews no papel da ama mágica criada por P.L. Travers, de volta a Londres para socorrer a família Banks. Sendo que agora é uma das crianças da película de 1964 que não tem mãos a medir com os seus filhos.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade