O Estado das Coisas

Filmes

A Time Out diz

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme se os eventos continuam agendados.

Sem Hammett e as chatices que o produtor Francis Ford Coppola deu a Wim Wenders durante a rodagem, o mais certo era O Estado das Coisas não existir, ou, a existir, ser muito diferente. Contudo, como diria o outro, ele vive. E não é só por ser a preto e branco, ou a direcção de fotografia ser de Henri Alekan, que é um petisco para cinéfilos. Petisco que a briosa divulgadora cinematográfica que é a Casa da Achada dá a provar, a quem viu e a quem deve ver, exibindo este filme de 1982, em boa parte rodado em Portugal, e no qual a piscina da Praia Grande, em Sintra, tem um papel plástico e simbólico fundamental.

Casa da Achada – Centro Mário Dionísio. Os Ofícios do Cinema (e de Outras Artes). Seg 21.30.

Detalhes

Também poderá gostar