Epic Sana Lisboa

Hotéis Avenida da Liberdade/Príncipe Real
4 /5 estrelas
4 /5 estrelas
(2comentários)
Epic Sana Lisboa (©DR)
1/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
2/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
3/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
4/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
5/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
6/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
7/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
8/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
9/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
10/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
11/12
©DR
Epic Sana Lisboa (©DR)
12/12
©DR

Ora aqui está uma variação interessante. Preparado? O Epic Sana não tem vista para o Castelo, nem para a Baixa, nem para parte nenhuma do centro histórico.

Uma pena – mas, em compensação, tem uma piscina exterior aquecida no terraço do nono andar, a partir do qual se vê o rio, lá ao longe. Tudo na vida tem um reverso e o do Epic Sana é faltar-lhe só esse “bocadinho assim” para não lhe faltar nada. Numa altura em que a tendência hoteleira de Lisboa se começou a virar para os hotéis boutique, mais pequenos e intimistas, o grupo Sana estacionou ali ao lado das Amoreiras um gigante de cinco estrelas com um atendimento surpreendentemente atencioso e familiar, a comprovar a teoria de que o tamanho, de facto, não importa nada quando a intenção é boa.

Os 291 quartos e suítes são um luxo. E a decoração minimalista faz com que pareçam ainda maiores e mais arejados, com as camas king size no centro das atenções. Justiça seja feita também às casas de banho, com chuveiros e banheiras enormes, tão grandes que assim que lhes deitamos o olho deixamos de conseguir pensar noutra coisa que não seja ficar uma tarde inteira de molho – e, quem sabe, adormecer profundamente (não estamos a dizer que aconteceu, mas ouvimos dizer que é comum acontecer). Se quiser encerrar o dia em beleza, a tempo de subir ao terraço para ver o sol desaparecer no Tejo, passe pelo Sayanna Wellness Spa, com piscina interior panorâmica, sauna, banho turco, ginásio e salas de massagens.

Para beber um copo, tem duas opções: subir ao bar da piscina ou descer até ao Onyx, no lobby. Em ambos são servidas refeições leves e snacks ao longo do dia. Para uma refeição mais a sério, o restaurante Flor de Lis agrada a todos os gostos, com pratos tradicionais à carta e um menu de degustação dedicado ao peixe e marisco da costa, casado com uma boa selecção de vinhos regionais.

Por Nelma Viana

Publicado:

Nome do local Epic Sana Lisboa
Contato
Endereço Avenida Engenheiro Duarte Pacheco, 15
Lisboa
1070-100
Preço €€€
É o proprietário deste estabelecimento?
Static map showing venue location

Average User Rating

3.5 / 5

Rating Breakdown

  • 5 star:0
  • 4 star:1
  • 3 star:1
  • 2 star:0
  • 1 star:0
LiveReviews|2
1 person listening
tastemaker

Desde há uns anos que há um terraço com uma infinity pool em cima da capital. Para quem não conhece, trata-se do Upscale Bar no topo do Hotel Epic Sana, perto das Amoreiras, que recentemente foi considerado um dos 12 melhores rooftops do Mundo pela Condé Nast. Para concordar teria de conhecer mais uns e serem corrigidas algumas falhas deste, mas que é giríssimo isso não posso dizer que não! :) Em tons de branco, preto e cinza com apontamentos em laranja, este terraço tem um ar cosmopolita, moderno e descontraído q.b., espraiando-se por dois andares, o de baixo com mesas em modo bar, e o de cima com camas XL de frente para a piscina. A vista não concordo que seja panorâmica nem é desafogada porque está bloqueada por um edifício de escritórios... será mais uma vista em profundidade, a estender-se da cidade até ao rio. Há mais bonitas! Serão os inconvenientes de se estar mesmo dentro da cidade.

)Quanto aos downsides, o maior é o preço da carta que, da minha experiência, é extremamente cara a comparar com outros terraços de hotel... o gin mais barato custa 16 euros, um exagero! O segundo downside, muito desajustado em relação ao potencial deste espaço, é o atendimento. Muito fraco e pouco profissional, chega a ser infantil e parece que não sabem o que estão ali a fazer. A última vez que aqui fui tomar um copo ao fim do dia o que apetecia era gin e perguntámos como eram feitos dois dos gins que estavam na carta. Se vos disser que o rapaz que nos atendeu só nos transmitiu a informação completa à terceira vez não é mentira, porque foi, veio, foi, veio... enfim... E acabámos a beber vinho branco (5 euros/copo) porque não nos agradou a falta de ingredientes para os gins. A somar, o vinho não estava muito fresco e os copos servidos são de plástico. Vá lá que nos trazem uns aperitivos para acompanhar... a batata de beterraba é optima! 

Tastemaker

Num dos hotéis mais modernos da cidade, o UpScale Bar é um rooftop que ganha pelo espaço, decoração e ambiente, mas perde  pela vista limitada e pelos preços demasiado altos, quando comparado a outros hotéis de 5* da cidade. Para quem gostar (e puder) tem uma das piscinas mais interessantes da cidade para passar um dia de verão; o custo é de 50 euros/pessoa e não comtempla qualquer bebida ou snack.