0 Gostar
Guardar

Edgar Moreau: o miúdo do violoncelo

Em casa, Edgar Moreau entretém-se com jogos de vídeo e uma guitarra eléctrica, como faz a maioria dos rapazes recém-saídos da adolescência. Mas a sua paixão é, desde os quatro anos de idade, o violoncelo

©Julien Mignot/Eté 80

Aos 22 anos, Edgar Moreau, que toca quarta-feira (26) na Gulbenkian, é um concertista experiente e já tem dois discos em seu nome editados por uma major. Desde muito novo que se apresenta em público com grandes orquestras – começou aos 11 anos, com o concerto de Dvorák e a Orquestra do Teatro Regio de Turim. Moreau tem tocado com maestros do gabarito de Valery Gergiev, Gustavo Dudamel ou Krzysztof Penderecki e com instrumentistas como Renaud Capuçon, Nicholas Angelich, Gérard Caussé, András Schiff ou Khatia Buniatishvili.

[Edgar Moreau: Retrato de um virtuoso do violoncelo]

O repertório que Moreau e o ensemble Il Pomo D’Oro trazem a Lisboa coincide em parte com o do CD Il Giovincello (Erato/Warner), saído no final de 2015. Dê uma espreitadela aos bastidores das gravações de Il Giovincello e entrevistas a Moreau e ao maestro Riccardo Minasi:

Fundação Gulbenkian, quarta-feira 26, 21.00, 22€

Comentários

0 comments