A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Lloyd Cole

  • Música, Pop
Música, Llyod Cole
©Paul ShoulLlyod Cole
Publicidade

A Time Out diz

Ainda apetece colocar “and the Commotions” no final do nome, mas é só porque a combinação sempre soou bem e porque dela ficou muita coisa que continua a soar lindamente. A estreia a solo de Lloyd Cole foi há já mais de 30 anos, e desde então vem produzindo uma discografia elegante e literata, sempre com uma caligrafia melódica apurada e uma escrita de ironia certeira. O espectáculo está integrado na digressão “From Rattlesnakes to Guesswork”, que é como quem diz desde o álbum estreia com os Commotions, em 1984, até ao 12.º álbum em nome próprio, lançado em 2019. Portugal é dos lugares onde Cole continua a ser seguido por uma falange militante e atenta, que vai esgotando salas a cada uma das suas visitas regulares. Olhando para a disponibilidade de bilheteira, esta vez não será excepção. Inicialmente marcados para o final de 2020, os concertos tinham sido reagendados para Abril e Maio de 2021, mas acabaram empurrados para as portas da Primavera que há-de vir (19 de Março Super Bock Arena, Porto; 21 de Março, Teatro Micaelense, Ponta Delgada).

Escrito por
João Pedro Oliveira

Detalhes

Endereço
Publicidade
Também poderá gostar