Meo Marés Vivas

Música, Música ao vivo
Meo Marés Vivas
©DR

O Marés Vivas é um festival para o grande público, um híbrido de parque de diversões-centro comercial-festival de música. Povoado por famílias, casais e adolescentes, é um bom local para quem gosta de ouvir a música que escala (ou escalou) as tabelas de vendas e que domina (ou dominou) as rádios com canções que todos sabem (ou sabiam) de cor. Música que quer ser amada e escutada pelo maior número de pessoas – e não há mal nenhum nisso. O cartaz deste ano é encabeçado por Sting, homem que já ganhou quase todos os prémios que há para ganhar na industria; por essa pandilha electropop britânica que responde pelo nome Bastille; e pelos Scorpions, que vão revisitar cinco décadas de clássicos rock e baladas trajadas de cabedal. No palco principal actuam também o músico brasileiro Seu Jorge, Joe Sumner (filho de Sting), Tom Chaplin (vocalista dos Keane), Lukas Graham e os nacionais Miguel Araújo, Diogo Piçarra, Agir, Expensive Soul e Amor Electro.