0 Gostar
Guardar

Os festivais que restam do que resta do Verão

Já ultrapassámos o pico da euforia festivaleira, mas ainda há muita e boa música para ouvir

© yoco**/flickr.com

Não se deixe enganar pelo clima indolente de férias e praia. Apesar dos grandes festivais lisboetas como o NOS Alive ou o Super Bock Super Rock terem já encerrado, outros continuam ao rubro e prometem animar este Verão, mesmo até aos primeiros dias do Outono.

Os festivais que restam do que resta do Verão

Reverence Valada

O quê? Um festival para gente que leva o rock a sério
Onde?
Valada
Quando? 08.09-10.09

Que cartaz do caraças (para não escrever outra palavra começada por “cara”). O Reverence Valada continua a espantar, com um cartaz e uma abordagem abrangente do rock e do psicadelismo, atenta ao presente mas profundamente conhecedora do seu passado. E é precisamente a celebração viva e ao vivo de uma história que junta nomes como The Sisters of Mercy, The Brian Jonestown Massacre, Killing Joke, The Damned, Chain & the Gang ou Thee Oh Sees que torna isto tudo tão especial. Vão ouvi-los, por favor.

LISB-ON

O quê? Um enorme jardim electrónico
Onde?
Lisboa
Quando? 09.09-11.09

O Parque Eduardo VII volta a transformar-se num grande jardim sonoro entre os dias 9 e 11 de Setembro. A culpa é do festival LISB-ON, uma paragem obrigatória para quem gosta de música electrónica. O cartaz desta edição tem nomes como DJ Harvey, Herbert, Jungle e Tale of Us, entre outros.

 

Caixa Alfama

O quê? Uma espécie de Vodafone Mexefest fadista
Onde? Lisboa
Quando? 23.09-24.09

Este ano o Caixa Alfama, para todos os efeitos e por apenas dois dias, já não é um festival de Verão. Mas faz-se um jeitinho para o incluir nesta lista, porque o cartaz continua a ser forte, apesar de não surpreender. A edição deste ano junta Aldina Duarte, as jovens estrelas Carminho e Gisela João e o grande (literalmente) Ricardo Ribeiro. E ainda Marina Mota. Sim, a Marina Mota. Pensando bem, o Caixa Alfama ainda nos consegue surpreender.

Publicidade

Comentários

0 comments