A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Crianças e jovens de bairros problemáticos dão concerto de Natal

Por Raquel Fernandes
Publicidade

Entre os dias 17 e 21 de Dezembro irá decorrer a terceira edição do Acorde Maior, o primeiro projecto de responsabilidade social do Village Underground Lisboa, que irá culminar com a já habitual performance artística aberta ao público. Desta vez, tudo acontece na Casa do Impacto, em frente ao Miradouro de São Pedro de Alcântara, pelas 18.00 de dia 21 de Dezembro.

A premissa é simples mas nobre: criar um grupo performativo de música e dança composto por 30 crianças e jovens com idades entre os 8 e os 18 que, apesar das situações pouco favoráveis em que vivem, continuam a querer alegrar as suas férias escolares com muita música.

À semelhança das edições de Abril e Junho deste ano, as crianças de várias aldeias SOS e bairros carenciados voltam a dar corpo e voz a este projecto no qual aprendem a expressar-se através do ritmo, dança e música como forma de combater o insucesso escolar.

O Future Band, um grupo que nasceu no Barbican Centre, em Londres, em 2009, foi a inspiração para esta iniciativa de solidariedade social, que na sua versão portuguesa conta com a ajuda de José Crespo Martins, produtor de projectos comunitários e artísticos do Barbican Center e da Guildhall School of Music and Drama, e de uma equipa composta pelos músicos Duarte Cardoso, Joana Machado Araújo e Teresa Campos, responsáveis pela direcção musical e artística. 

Os ensaios do grupo irão decorrerão, mais uma vez, no Village Underground e o resultado promete ser um concerto único, que procura reflectir a identidade musical do grupo através das diferentes personalidades e vozes de cada membro. 

Edição de Cláudia Lima Carvalho

+ Concertos de Natal a custo zero

Últimas notícias

    Publicidade