A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Forno Emilia
DR/Forno Emilia

Do Forno Emilia saem pizzas e focaccias recheadas à fatia

As pizzas e focaccias do novo restaurante em Santos, agregado à gelataria Unico, são feitas com massa mãe.

Por
Ines Garcia
Publicidade

Quando abriu a gelataria Unico, com as receitas artesanais de gelados cremosos da Cremeria Funivia de Bolonha, a ideia de aproveitar o enorme espaço em Santos, com dois pisos, e abrir uma pizzaria já estava em andamento. O Forno Emilia é a segunda fase da parceria entre os sócios italianos e Carlos Coutinho e tem sempre a sair pizzas e focaccias recheadas, tudo à fatia. 

A massa é mais alta, muito fofa mas ligeiramente crocante, feita com farinhas biológicas e com moagem em mó de pedra, que permite que o gérmen de trigo permaneça dentro da farinha. A massa mãe utilizada para as pizzas já vive desde 2011 e fermenta lentamente durante 24 ou 48 horas, o que garante a leveza e a fácil digestão. A tomar conta da produção, tanto das pizzas como dos gelados, está Guglielmo Tagliaferri, que depois de um tempo em formação está pronto a apresentá-las. 

Forno Emilia
DR/Forno Emilia

A vitrine tem muito por onde escolher, e consoante o ritmo do dia podem ir crescendo as opções. De um lado há focaccias recheadas, num total de oito receitas, onde encontra a Bologna, com creme de pistácio no interior e mortadella felsineo fresca no topo (3€), a due torri, com presunto de Parma com cura de 24 meses, mozzarella fior di latte italiana e azeite extra-virgem (3,50€), a d'Azeglio, com bochecha de porco, parmesão e scamorza (3,50€) ou as doces, como a funivia, com creme de rum e pedaços de Amaretto (3,50€).

Na pizza à fatia há outras oito opções, como a Imola, com tomate biológico, mozzarella fior di latte, salame picante e pimentos grelhados (3,50€), a Mi.Ma, com tomate, creme de abóbora violina, creme de radicchio, amêndoas tostadas, manjericão e azeite (3,50€), a Modena, com mozzarella, curgetes assadas, emental, bochecha de porco e parmesão (3,50€) ou a cesena, com fiambre italiano, scamorza, curgetes assadas e parmesão (3,50€). As de bochecha de porco têm sido as mais pedidas.

“A ideia é isto ser uma coisa descontraída. Para se encontrar ao final da tarde, pedir uma fatia de pizza e beber uma cerveja [aqui da Musa], por exemplo”, diz Carlos, falando em planos para usar os queijos e enchidos italianos que usam nas pizzas para tábuas. 

A pizza e as focaccias estão preparadas mas umas vez pedidas, vão dois minutos e meio ao forno para finalizar. Este efeito pizza acabada de sair do forno, que muitas vezes se perde no take-away, é possível reproduzir em casa – se passar apenas para apanhar uma caixa com algumas fatias, é-lhe entregue um folheto que indica que pode aquecer no forno doméstico durante três a quatro minutos ou optar por uma frigideira anti-aderente, que deve aquecer em lume branco, colocar as suas fatias de pizza durante dois minutos e logo de seguida outros dois minutos com uma tampa. Deve apenas tirar os frescos antes do momento de aquecer. 

Esta é a primeira pizzaria do grupo, explica Carlos Coutinho. O conceito foi todo criado para esta loja em específico mas a ideia será expandi-la para outras cidades onde a marca de gelados já existe.

Há menus com duas fatias e uma bebida (6,50€) e packs para levar para casa ou dividir ali mesmo com seis fatias (18€), nove (27€) ou 18 (54€). Se ficar por ali na pequena mas confortável esplanada, acabe a refeição no piso de cima, com um gelado italiano.

Avenida Dom Carlos I, 88 (Santos). Seg 12.00-20.00, Ter-Qua, Dom 12.00-22.00, Qui-Sáb 12.00-23.00. 

+ Os gelados da nova gelataria de Lisboa são Unicos 

 + Leia grátis a Time Out Portugal desta semana 

Últimas notícias

    Publicidade