A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Pinheiros Palácio da Pena
Parques de Sintra

Este Natal pode adoptar e levar para casa um pinheiro natural do Palácio da Pena

No fim da iniciativa, os pinheiros serão plantados numa acção colectiva entre a Parques de Sintra e os participantes que levaram pinheirinhos para casa.

Por
Francisca Dias Real
Publicidade

O Natal não será igual e por isso porque não abraçar iniciativas também elas diferentes? Este ano, a Parques de Sintra vai permitir a adopção de árvores do Parque da Pena e da Tapada do Mouco para as famílias levarem para casa e a decorarem a rigor. Depois haverá uma acção de plantação em Janeiro.

Como em tudo o que a Parques de Sintra tem vindo a fazer junto dos seus parques e monumentos, tudo traz atrelado um pedaço de história de outros tempos, dos reis e das rainhas. E desta vez não será excepção. A empresa convida não só à adopção de comportamentos sustentáveis como também a invocar a memória da primeira celebração do Natal em torno de um pinheiro decorado em Portugal. Isso aconteceu na época em que D. Fernando II reinou com D. Maria II, o Natal no Palácio das Necessidades, em Lisboa, fazia-se em torno de uma árvore trazida do Parque da Pena, a que o rei chamava de “o pinheiro da Pena”.

Nesta iniciativa, a adopção do pinheiro é feita online (aqui) até às 14.00 da véspera do levantamento da árvore. Deverá ser feito um pagamento de 75€, 50€ dos quais diz respeito à adopção do pinheiro e os outros 25€ são de caução, sendo reembolsáveis no momento de devolução da árvore, se esta estiver em boas condições. 

A recolha das árvores deve ser feita na casa Info Parques de Sintra, em S. Pedro de Sintra, nos dias 5, 6, 7 e 8 de Dezembro entre as 10.00 e as 12.00. 

Os exemplares disponíveis para adopção são das espécies Picea abies e Picea orientalis, com alturas variáveis entre os 1,30m e 1,60m, todos eles preparados para serem transportados para as respectivas casas dos participantes e devidamente identificados. A Parques de Sintra deixa ainda algumas dicas de como cuidar do pinheiro já em casa, mantendo-o longe das fontes de calor e regando a árvore uma vez por semana. 

Depois de passado o período natalício, a árvore deve ser devolvida no mesmo local entre os dias 9 e 16 de Janeiro de 2021, no período das 10.00 às 12.00 e das 13.00 às 15.00. Na hora da devolução será também reembolsada a caução paga no início do processo.

Depois, no dia 23 de Janeiro as famílias que participaram nesta acção vão poder meter as mãos na terra e juntar-se à acção de plantação da árvore no Alto do Chá, uma zona fortemente afectada pelos temporais dos últimos anos, que levaram à queda de muitos exemplares arbóreos. O encontro nesse dia começa às 10.00 no Chalet da Condessa d'Edla.

+ Onde comprar pinheiros naturais em Lisboa

+ Leia a edição desta semana: Natal Postal

Últimas notícias

    Publicidade