A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Festival da Máscara Ibérica volta a Belém com desfile, música e gastronomia

Por
Francisca Dias Real
Publicidade

O Festival Internacional da Máscara Ibérica (FIMI) regressa entre 16 e 19 de Maio ao Jardim da Praça do Império, em Belém. A 14.ª edição junta na mesma receita a gastronomia, o artesanato, workshops e a música, com o ponto alto a ser marcado pelo Desfile da Máscara Ibérica.

Encare isto como uma espécie de Carnaval tardio, mas mais tradicional com grupos de máscaras vindas de Portugal, Espanha, China, Colômbia, Hungria, Itália, País de Gales e Uruguai. A iniciativa, promovida pela EGEAC, Fundação Inatel e Progestur, leva ao jardim dezenas de tendas com a Mostra das Regiões, onde reinam as bancas de gastronomia regional, doces conventuais, artesanato, exposições de fotografia, show cookings e tertúlias.

Tal como em todas as edições anteriores, o festival conta com um Palco Ibérico que recebe grupos que vão do folk de raiz tradicional ibérica ao reggae ou rock, mas a programação ainda não foi anunciada.

A 18 de Maio os festivaleiros podem vivenciar o ponto alto do FIMI: o Grande Desfile da Máscara Ibérica, que contará com mais de 50 grupos nesta edição, e mais de 700 participantes.

Antes ainda de o festival arrancar, tome nota das exposições “Desfile com a Máscara - Lisboa 2019” e “Por detrás da Máscara”, que inauguram a 9 de Maio, no Centro Cultural Casapiano, e que têm como objectivo destacar a plasticidade e riqueza artística do património da Máscara.

O festival dá início às suas actividades todos os dias a partir das 10.30. E não vale a pena ter medo destes mascarados.

Praça do Império (Belém). 16 a 19 de Maio. Entrada livre.

+ A BoCA volta a encher Lisboa com uma vanguarda para todos

Últimas notícias

    Publicidade