A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

'Grace Jones: Bloodlight and Bami' chega ao Arte

Por Eurico de Barros
Publicidade

Ao longo de 10 anos, a realizadora britânica Sophie Fiennes acompanhou a modelo, cantora e actriz Grace Jones por onde quer que ela andasse, da sua Jamaica natal aos EUA, visitando a família, indo em férias, gravando um álbum, sendo fotografada por Jean-Paul Goude (do qual foi a musa e teve um filho, Paulo) ou muito simplesmente descansando em casa.

O resultado dessa década de filmagens foi um documentário de duas horas intitulado Grace Jones: Bloodlight and Bami, que o ARTE exibe esta semana.

A irmã dos actores Ralph e Joseph Fiennes revela aqui não só a artista, figura pública excêntrica e ícone da cultura pop das décadas de 70 e 80, como também a faceta mais íntima daquela a quem os fãs chamam “Amazing Grace”: a mulher de negócios, amante, mãe, irmã e também já avó.

ARTE. Qua 23.15

Últimas notícias

    Publicidade