A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Lisbon Art Weekend
Mário Belém (c) Susana Rebocho

Lisbon Art Weekend volta a guiar-nos pela arte contemporânea da cidade

À terceira edição, o Lisbon Art Weekend junta artistas e galerias de arte contemporânea num evento de três dias e com entrada gratuita.

Escrito por
Joana Moreira
Publicidade

Durante um fim-de-semana o Lisbon Art Weekend volta a ditar o circuito pelos espaços de arte contemporânea da cidade de Lisboa. Entre 12 e 14 de Novembro, há 32 galerias para visitar e 127 artistas para descobrir, além de conversas, visitas guiadas e outras actividades, todas de entrada gratuita.

Quem quiser percorrer todos os pontos de interesse vai ter de atravessar a capital, já que o programa é extenso e inclui espaços em localizações tão distintas como Xabregas, onde está a Galeria Filomena Soares, Alvalade, onde mora a Galeria Vera Cortês, ou a Calçada da Estrela, onde fica O Armário. 

Nesta terceira edição há uma série de espaços que participam pela primeira vez, como o Atelier Concorde, a galeria Brotéria ou a Beirut Contemporary. Deste roteiro fazem ainda parte a 3+1 Arte Contemporânea, Balcony Gallery, Cristina Guerra Contemporary Art, DUPLEX I Artists in Residence, Galeria 111, Galeria Bruno Múrias, Galeria Foco, Galeria Francisco Fino, Belo Campo, Galeria Madragoa, Galeria Miguel Nabinho, Galerias Municipais / Galeria da Boavista, Galerias Municipais / Pavilhão Branco, Hypercube Project Space, Kunsthalle Lissabon, Monitor Lisbon, mono, MOVART, NAVE galeria, NO·NO Gallery, Sokyo Lisbon, SUSPENSO, THIS IS NOT A WHITE CUBE, UMA LULIK__, Underdogs Gallery e Zaratan - Arte Contemporânea.

Quase todas as galerias foram escolhidas depois de se candidatarem a uma convocatória aberta, adianta a organização. A escolha ficou depois nas mãos de Jesse James, director artístico da Walk&Talk, um festival de artes nos Açores, e Sandra Vieira Jürgens, curadora e crítica de arte. 

De acordo com a programação, ao longo destes três dias, vão decorrer exposições individuais e colectivas de artistas como Hans Otte (Brotéria), Julian Rosefeldt (Galeria Bruno Múrias), Paula Rego (Galeria 111), Sam Smith (3+1 Arte Contemporânea), Rui Chafes (Galeria Filomena Soares) e Wasted Rita (Underdogs Gallery). 

A complementar as exposições há eventos paralelos como visitas públicas guiadas ou uma conversa com Magda Delgado e Pedro Barateiro. Os artistas portugueses sentam-se para responder a perguntas do público sobre os seus processos criativos no dia 14, domingo, às 14.00, no espaço Heden Santa Apolónia. A conversa vai ser moderada pela crítica de arte Cristina Sanchez Kozyreva e conduzida em inglês.

Vários locais e horários (consultar aqui). De 12 a 14 de Novembro. Entrada gratuita.

+ Em Lisboa, é possível andar de comboio e ver a arte passar 

+ Leia já, grátis, a edição digital da Time Out Portugal desta semana

Últimas notícias

    Publicidade