A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
LU.CA – Teatro Luís de Camões
LU.CA – Teatro Luís de Camões

LU.CA assinala o 25 de Abril com a sua primeira mostra online

Por Raquel Dias da Silva
Publicidade

Propostas de leituras, uma exposição de dez artistas plásticos e até oficinas para todas as famílias. O LU.CA está de portas fechadas, mas a programação continua online.

O projecto Biblioteca do Público acaba de transitar para o formato online, com propostas de leituras duas vezes por semana que contam com um conjunto de actores, encenadores, músicos, cenógrafos e coreógrafos. Mas há mais novidades. No mês em que, pela primeira vez desde 1974, teremos de celebrar o 25 de Abril em casa, o LU.CA – Teatro Luís de Camões disponibiliza a sua primeira mostra online, comissariada pela galeria de arte portuense Senhora Presidenta.

A exposição “Mudam-se os Tempos, Recordam-se as Vontades” é composta por trabalhos inéditos de dez artistas plásticos, realizados de propósito para o LU.CA. Juntamente com os trabalhos gráficos, que estão expostos no site do teatro, os artistas André Ruivo, Bruno Borges, Bruno Lisboa, Bárbara Gabriela, Ema Gaspar, Inês Santos Machado, Júlio Dolbeth, Lourenço Providência, Nelson Duarte e Rui Vitorino Santos convocam as suas memórias (ou a falta delas) sobre a revolução dos cravos.

Além da mostra, estará disponível também online, a partir desta segunda-feira, uma oficina inspirada na Pop Art e no trabalho de colagem de artistas como Corita Kent, também conhecida como Irmã Mary Corita Kent, uma freira católica, artista e educadora, cuja arte com mensagens de amor e paz foram particularmente populares nas décadas de 1960 e 1970. “Propomos que olhem para os materiais que se acumulam em casa, na reciclagem, no cesto dos papéis e, com o auxílio de cola, tesoura e a inspiração colorida deste movimento, integrem e alterem a função das diferentes mensagens que encontramos, nesses suportes tão diversos”, lê-se em nota informativa do teatro. “Todos os trabalhos partilhados com o LU.CA serão divulgados nas nossas redes sociais entre 25 de Abril e 1 de Maio.”

Com o actual estado de emergência, também o projecto LABOR, um laboratório de teatro nas escolas promovido pelo LU.CA, passa a ter apresentação online, marcada para o fim-de-semana de 6 e 7 de Junho. Antes, durante o mês de Maio, será disponibilizada uma oficina online para todos os que quiserem fazer teatro em casa. Os trabalhos partilhados com o LU.CA terão também apresentação pública, nas redes sociais, durante o primeiro fim-de-semana de Junho.

Já a programação planeada para o passado mês de Março, mas também a que estava prevista para Julho, teve de ser alterada. “Em permanente diálogo com os artistas, e de modo a suportar os custos próprios de um reagendamento, foram encontradas diferentes formas de apresentar e ajustar as propostas artísticas a esta nova realidade”, é anunciado no mesmo comunicado. “Parte das propostas programadas serão apresentadas na temporada de 2020/2021 e, dado o interesse de alguns artistas em explorar o que este novo contexto propõe, alguns dos projectos transitam para um modelo exploratório online. Será seguramente uma oportunidade criativa para todos.”

+ Leia grátis a revista Time In Portugal desta semana

Últimas notícias

    Publicidade