A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
MAINOVA
Fotografia: Amuse Bouche

Mainova: esta marca de vinhos e azeite extra-virgem é portuguesa e sustentável

Produção biológica, pouca intervenção e certificado vegan. É assim a Mainova, a nova marca de vinhos e azeite extra-virgem da Herdade da Fonte Santa.

Por Raquel Dias da Silva
Publicidade

Bárbara Monteiro foi sempre a "mainova". Chamam-na assim desde sempre, por vezes a contragosto. Agora usa o nome com orgulho, na nova marca da Herdade da Fonte Santa, no Vimieiro, um projecto familiar que começou em 2010, quando os pais adquiriram a propriedade na zona do Alto Alentejo. Com regimes de produção biológica e integrada, nasceram duas variedades de azeite extra-virgem e seis propostas vínicas, com pouca intervenção, baixos sulfurosos e maioritariamente vegan – o Moinante Rosé Castelão é o único sem certificado.

Num terreno onde existia apenas um olival modesto, plantaram-se 90 hectares de oliveiras – Cordovil, Picual, Cobrançosa, Arbequina e Frantoio – e 20 hectares de vinha, com castas escolhidas a dedo pelo patriarca da família e o viticultor inglês David Booth. A selecção de apostas unânimes, mas também menos prováveis na região, como Baga e Encruzado, reflectem o ADN da marca, que se assume “de olhos postos no futuro”, nomeadamente através de uma política de produção sustentável.

O respeito pela fruta, com uma abordagem pouco interventiva, resultou em referências vínicas com “boa acidez, estrutura e equilíbrio”, segundo o enólogo António Maçanita, responsável pela elaboração das seis variedades de vinho, com três assinaturas diferentes. O Mainova é o cartão de apresentação da marca, com versões em tinto 2018 (9,95€) e branco 2019 (8,95€), ambas com certificado vegan. Já o Moinante dá nome ao branco curtimenta de 2019 (16,90€) e ao rosé 100% Castelão de 2019 (13,95€). Por último, mas não menos importante, o Milmat: vinhos reserva com versões tinto 2017 (24,95€) e branco 2018 (19,90€).

À venda na loja online, encontram-se ainda duas variedades de azeite extra-virgem, extraídos a frio e compostos exclusivamente por sumo de azeitona. O Clássico, produzido a partir de azeitonas verdes e maduras, tem uma acidez baixa de 0,2% e está disponível em garrafa de vidro de 500 ml (5,90€) e em Bag-in-Tube de três litros (22,95€), que protege o azeite utilizando menos 60% de plástico do que o garrafão convencional. Com a mesma acidez, o Early Harvest é produzido, tal como o nome indica, a partir de azeitonas verdes, colhidas no início da época, e está disponível apenas em garrafa em grés de vidro reciclado de 500 ml (15,95€).

Destaca-se ainda o embalamento: o lacre substitui as cápsulas, as garrafas são feitas sobretudo de vidro reciclado e recicláveis, os rótulos de papel reciclado ou com maior percentagem de algodão e as caixas de papel reciclado e recicláveis não têm qualquer plástico nas tintas. Se comprar o pack experiência Mainova (69,65€), poderá descobrir as seis variedades vínicas e aproveitar ainda a oferta de uma garrafa de azeite extra-virgem Clássico.

+ Experiências pós-Covid: os encantos do Honest Greens

Últimas notícias

    Publicidade