A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Metro de Lisboa
Manuel Manso

Metro de Lisboa: há greve marcada para esta terça-feira

Os trabalhadores do metro de Lisboa cumprem na terça-feira, 25 de Outubro, 24 horas de greve. O serviço deve normalizar a partir das 06.30 de quarta-feira.

Escrito por
Joana Moreira
Publicidade

As organizações sindicais representativas dos trabalhadores do Metropolitano de Lisboa convocaram greve para esta terça-feira, 25 de Outubro. A paralisação de 24 horas deverá acontecer já hoje, segunda-feira, a partir das 23.00. 

O site do Metropolitano de Lisboa informa que estão decretados serviços mínimos, pelo que durante o dia de terça-feira espera-se um serviço com tempos de espera entre comboios superior ao normal. Na mesma nota faz-se a ressalva de esta ser uma informação “sujeita a alterações de última hora”. O serviço deverá estar normalizado a partir das 06.30 de quarta-feira, 26 de Outubro.   

Em declarações à agência Lusa, Anabela Carvalheira, da Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações, confirmou que a greve está relacionada com reivindicações de aumentos salariais e melhores condições laborais. 

Estação da Cidade Universitária encerrada uma semana

Entre 29 de Outubro e 5 de Novembro, a estação da Cidade Universitária, na linha amarela, vai estar encerrada devido a trabalhos de intervenção na via-férrea, comunicou o Metropolitano de Lisboa na última sexta-feira. Durante esses dias, a circulação da linha amarela acontecerá apenas entre Odivelas-Campo Grande e Entrecampos-Rato. A reabertura da estação da Cidade Universitária está prevista para as 06.30 do dia 6 de Novembro. 

Com a segunda volta das presidenciais brasileiras a 30 de Outubro e sendo a Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, na Cidade Universitária, um local de voto será necessário um plano B que passe por transportes alternativos ao metro. As opções são os autocarros 701, 736, 717, 738 e 767, da Carris.

+ Uma viagem pela arte do Metro de Lisboa

+ Está aí a Time Out Lisboa de Outono

Últimas notícias

    Publicidade