A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Historia de Lisboa
Fotografia: Duarte Drago

Mural de Nuno Saraiva vandalizado, restaurado e vandalizado outra vez

O mural ‘História de Lisboa’, desenhado por Nuno Saraiva, foi alvo de um processo de restauro que se prolongou por três meses. Mas os vândalos não o deixam em paz.

Escrito por
Renata Lima Lobo
Publicidade

Os vândalos não deixam em paz o mural pintado por Nuno Saraiva nas Escadinhas de Santa Helena, em Alfama, junto ao Largo das Portas do Sol. Este ano, já tinha sido alvo de vandalismo e agora, poucos dias depois de terem sido terminados os trabalhos de restauro, foi novamente vandalizado.

O restauro tinha sido levado a cabo pelo autor, com a ajuda de um grupo de estagiários curriculares da ESAD CR Caldas da Rainha. Durante o processo, a obra tinha sido ampliada com novos quadradinhos que retratavam o Marquês de Pombal, Eça de Queirós e o engenheiro Duarte Pacheco.

Inaugurado em 2016 e intitulado História de Lisboa, o mural desvenda em banda desenhada alguns dos episódios mais relevantes do passado da cidade. “À intervenção de recuperação, seguir-se-ia a colocação de uma protecção que preservasse e resguardasse a obra. Não houve tempo, lamentou a Junta de Freguesia de Santa Maria Maior, através do Facebook.

+ Nuno Saraiva: um ilustrador, cinco murais em Lisboa

+ Lúcia Vicente põe a descoberto as ‘Raízes Negras’ do mundo

Últimas notícias

    Publicidade