A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Mank
Netflix'Mank' está nomeado a dez categorias. Gary Oldman (na imagem) concorre à estatueta de Melhor Actor

Netflix vai à frente (outra vez) na corrida aos Óscares

Plataforma de streaming acumula 35 indicações aos prémios da Academia. 'Mank', de David Fincher, lidera com dez nomeações.

Por
Sebastião Almeida
Publicidade

Os nomeados para as 23 categorias dos Óscares, que são entregues a 25 de Abril, foram anunciados esta segunda-feira, numa emissão em streaming conduzida a partir de Londres por Nick Jonas e Priyanka Chopra. À semelhança do cenário traçado nos Globos de Ouro, a Netflix parte em vantagem na corrida aos Óscares com 35 nomeações (no ano passado partiu com 24 e venceu apenas duas).

Mank, realizado por David Fincher para a Netflix, lidera com dez nomeações, nas quais se incluem a de Melhor Filme, Realizador, Actor Principal e Actriz Secundária. Mas há outros dois filmes da plataforma de streaming com fortes pretensões: Nomadland – Sobreviver na América e Os 7 de Chicago são outras das produções mais bem lançadas na corrida às estatuetas douradas com seis nomeações cada. Judas e o Messias Negro (dos estúdios da Warner Bros), O Pai, Minari e O Som do Metal (da Amazon) encontram-se igualmente bem posicionados com o mesmo número de nomeações.

As polémicas em relação à falta de diversidade e representatividade da comunidade afro-americana voltarão a acender-se, já que Ma Rainey: A Mãe dos Blues, que conta com cinco nomeações, e Uma Noite em Miami (da Amazon Prime, com três) ficaram de fora da lista de nomeados a Melhor Filme. Apenas Judas e o Messias Negro, filme sobre Fred Hampton (Daniel Kaluuya), uma das figuras de proa do Partido dos Panteras Negras, integra a lista de candidatos à estatueta principal. Por outro lado, em 93 anos de Óscares, esta será a primeira edição em que duas mulheres disputam a estatueta de Melhor Realizador. Chloé Zhao (Nomadland) e Emerald Fennell (Uma Miúda com Potencial) entram assim para a história, já que Kathryn Bigelow foi a única premiada em 2010, com Estado de Guerra.

A Academia tentou também apostar na diversidade no que diz respeito às nomeações para a categoria de Melhor Actor Principal: Riz Ahmed (O Som do Metal), Steven Yeun (Minari) e Chadwick Boseman (Ma Rainey: A Mãe dos Blues), a título póstumo, integram a lista onde apenas Gary Oldman (Mank) e Anthony Hopkins (O Pai) fogem à tendência. Na categoria de Melhor Actriz, a escolha será entre Viola David (Ma Rainey: A Mãe dos Blues), Andra Day (Estados Unidos vs. Billie Holiday), Carey Mulligan (Uma Miúda com Potencial), Vanessa Kirby (Pieces of a Woman) e Frances McDormand (Nomadland).

Consulte aqui a lista completa dos nomeados à edição de 2021 dos Óscares.

 + Leia grátis a Time Out Portugal desta semana

+ Os vencedores dos Globos de Ouro

Últimas notícias

    Publicidade