A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

O concurso de ideias de Arquitectura para o Mercado de Santa Clara já tem um vencedor

Por Vera Moura
Publicidade

A Trienal de Arquitectura acaba de anunciar os premiados do Concurso de Ideias de Arquitectura para o mais antigo mercado coberto da cidade.

26 propostas, um vencedor e duas menções honrosas. As candidaturas para o Concurso de Ideias para o Mercado de Santa Clara terminaram no dia 9 de Outubro e esta quinta-feira, dia 14 de Dezembro, foram revelados os premiados. 

Filipe Madeira e Vânia Saraiva são os autores da proposta vencedora, a mesma que, através de um sistema de compartimentação pragmático e flexível de telas reguláveis em altura, permite facilmente diferentes configurações, tipologias e transformações do espaço do mercado. 

Segundo o júri, “esta proposta é a que melhor viabiliza o programa, resolvendo também algumas questões técnicas do edifício como o controlo da luz natural abrindo a possibilidade de leitura da nave na sua totalidade até à sua múltipla compartimentação. A solução proporciona a futuros utilizadores a possibilidade de economia de meios de suporte na realização de uma diversidade de eventos.” 

O júri atribuiu ainda duas menções honrosas. Rui Mendes foi distinguido por apresentar uma proposta que "promove a utilização pública do edifício em conjunto com o espaço urbano". 

A equipa composta por João Pedro Cravo, Bernardo Sousa, Diogo Lafaia e Pauline Gasqueton apresentou uma proposta que queria "musealizar o edifício", com "pequenas intervenções construídas que serão a âncora dos núcleos programáticos".

Promovida no quadro do programa de revitalização dos mercados da Câmara Municipal de Lisboa, esta iniciativa tem como objectivo integrar o Mercado de Santa Clara na rede de espaços dedicados a empresas e projectos no sector das indústrias criativas como o Mercado do Bairro Alto, o FabLab Lisboa ou o Pólo das Gaivotas. O espaço será ainda a nova sede do Clube dos Criativos de Portugal (CCP) que vai assumir em 2018 a programação. Conte com exposições, formação, festas, concertos e uma biblioteca criativa. 

+ O Valmor, o mais importante prémio de arquitectura, vai voltar

Últimas notícias

    Publicidade