Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right O novo rooftop de Carcavelos tem vista para o mar e cocktails para se refrescar nas alturas
Rooftop Carcavelos
Time Out Portugal Rooftop Carcavelos

O novo rooftop de Carcavelos tem vista para o mar e cocktails para se refrescar nas alturas

O espaço abriu no final de Fevereiro, mas teve de fechar portas logo a seguir. Reabriu agora com uma lista de cocktails para beber com vista mar, e vários petiscos para partilhar.

Publicidade

Carcavelos tem dado nas vistas nos últimos tempos nas notícias pelas piores razões, com festas ilegais na praia. Mas há outras maneiras de se divertir e beber copos na zona. O rooftop Carcavelos, na Nova School of Business and Economics, reabriu em Junho depois de uma inauguração que passou quase despercebida no fim de Fevereiro e promete ser um dos melhores sítios da Linha para desconfinar.

Duarte Martins e a mulher, Maria, já tinham experiência na área – Maria era coordenadora dos bares do grupo José Avillez e Duarte trabalhou na Bica do Sapato, entre outros locais – e decidiram apostar no seu próprio projecto com outro sócio.

A 27 de Fevereiro abriam o Rooftop Carcavelos, mesmo no topo da Nova, mas foram obrigados a encerrar pouco depois, a 12 de Março, devido à pandemia. A 11 de Junho, reabriram o espaço com vista para o mar já com as novas medidas de segurança. Com capacidade para 300 pessoas e uma zona interior e outra exterior, o bar presta-se a desconfinamentos – por enquanto apenas 75 lugares sentados estão a ser utilizados.

Rooftop Carcavelos

 

Rooftop CarcavelosFrancisco Fastágio de Oliveira

 

Os cocktails de autor e os mocktails (sem álcool) são as especialidades da casa, com uma preocupação em não “encharcar o cliente”, diz Duarte. “Apostamos em não servir aqueles cocktails carregados de álcool.” A carta vai mudando de acordo com a altura do ano e para já inclui bebidas como o Avô Varela (10€), com rum Abuelo Añejo, Disaronno e abacaxi, o Mary Basil (10€), com vodka, morango, tomate e espuma de manjericão, e o Pink Lady (10€), com tequila José Cuervo, Aperol, toranja e clara de ovo, além de todos os clássicos (a 9€).

Quanto aos mocktails, há, por exemplo, o Marcavelos, uma mistura de maracujá, laranja e pepino, ou o Sunrise, com morango, laranja e manjericão – ambos a 5€.

Para acompanhar as bebidas, há petiscos “robustos”, diz Duarte, ideais para partilhar. “Esse é o nosso conceito, partilhar, desfrutar sem compromissos, sem pressas.” Conte com wraps, com opções vegetarianas, de salmão ou de presunto, saladas, tábuas de queijos e enchidos e crepes.

Apesar de estar instalado na universidade, e em frente ao túnel que dá para a praia, a maior parte dos clientes vem “de fora”, garante o responsável. “Estamos a conseguir criar um conceito abrangente, sem uma faixa etária, transversal.” O rooftop tem um ambiente diferente dos terraços de Lisboa, diz. “São rooftops urbanos, citadinos, este é mais praia, menos stress.”

O espaço vai apostar também em eventos privados e, para já, está a funcionar de terça a domingo, das 14.00 às 23.00.

Rooftop Carcavelos, Nova School of Business and Economics, Carcavelos. Ter-Dom 14.00-23.00.

+ O Bicaense reabriu com petiscos, cocktails e courverts musicais

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade