A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Passeios, Parque Nacional Sintra-Cascais, Palácio Nacional da Pena
©DRPalácio Nacional da Pena

Serões Musicais no Palácio da Pena regressam este fim-de-semana

A 7.ª edição dos Serões Musicais arranca este fim-de-semana, com dois concertos no Salão Nobre do Palácio da Pena.

Por
Raquel Dias da Silva
Publicidade

Já alguma vez pensou como seria se pudesse reviver os saraus que se realizavam no Salão Nobre do Palácio da Pena há mais de um século? É essa a promessa do ciclo Serões Musicais, que já vai na 7.ª edição. Os primeiros dois concertos, marcados para as 21.00 de 21 e 22 de Maio, vão focar-se na chamada geração romântica, um grupo de compositores que fez de França e da Alemanha o seu centro de actividade e de que Mendelssohn, Schumann e Liszt são bem representativos.

O programa destes concertos explora a relação entre a música e a palavra – Liszt dando vida a textos de Victor Hugo, Mendelssohn a poemas de Heine, e Gouvy à obra de Pierre de Ronsard, por exemplo. Além destes compositores, o programa apresenta obras de Robert Schumann, Camille Saint-Saëns, Ludwig Spohr, Hector Berlioz, Charles Gounod, Stephen Heller e Félicien David. Com o maestro João Paulo Santos ao piano, o cartaz de intérpretes conta com a meio-soprano Cátia Moreso e o tenor João Rodrigues, bem como com os instrumentistas António Figueiredo (violino) e Carolina Morais de Matos (violoncelo).

No sábado, 22 de Maio, poderá ainda enriquecer a experiência inesquecível da recriação de um típico sarau romântico, tal como os que eram promovidos por D. Fernando II no século XIX, com um jantar (35€/pessoa) no restaurante do Palácio da Pena, pelas 19.30. O menu inclui entrada (creme de abóbora-menina com espuma de leite), prato principal (bacalhau rico com camarão, amêndoa e espinafres ou tranche de peru no forno com alecrim e arroz de frutos secos), sobremesa (fruta laminada ou tarte de queijada de Sintra) e bebidas (água, refrigerantes, vinho branco e tinto e café ou chá).

Este ciclo de Serões Musicais no Palácio da Pena, que dá início à Temporada de Música Erudita, prolonga-se até 19 de Junho e realiza-se todas as sextas-feiras e sábados, às 21.00, no Salão Nobre do Palácio da Pena. Trata-se de uma iniciativa conjunta da Parques de Sintra e do Divino Sospiro – Centro de Estudos Musicais Setecentistas de Portugal, tendo por director artístico o maestro Massimo Mazzeo. 

Os bilhetes (15€/concerto) estão disponíveis exclusivamente online, no site da Parques de Sintra. Por questões de segurança, os lugares têm em consideração a distância social recomendada e são atribuídos por ordem de chegada, dos lugares na fila mais perto do palco até aos que se encontram mais perto da porta de saída da sala.

+ Agenda cultural de Lisboa: todas as coisas para fazer na cidade

+ O mundo mudou e as cidades mudaram com ele. Como se sente em relação à sua?

Últimas notícias

    Publicidade