A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Volta ao mundo em quatro dias com o festival Todos

Escrito por
Vera Moura
Publicidade

Música, teatro, dança, fotografia, performance, novo circo, gastronomia: estão todos no regresso do Todos, que à 10ª edição se muda para o Campo de Santa Clara. Começa esta quinta para só acabar no domingo. 

O ponto de encontro do festival, que acontece de quinta a domingo, é o jardim Botto Machado, mas os mais de 50 concertos, peças e performances para toda a família espalham-se por lugares como a Voz do Operário, o Claustro do Mosteiro de São Vicente, o Mercado de Santa Clara, as Damas, o Palácio Sinel de Cordes ou o Panteão Nacional.

Orquestra Todos

O tema de 2018 é Jubilar o Mundo, e entre os programas mais esperados estão o reencontro da Orquestra Todos (qui 22.00 no Salão de Festas da Voz do Operário, grátis), com elementos do Brasil, Cabo Verde, Espanha, Argentina, Itália, Índia, Alemanha e Portugal; a peça de Miguel Fragata e Inês Barahona Do Bosque para o Mundo (dias 21, 22 e 23 na Escola Secundária Gil Vicente, 3€); o espectáculo de rua catalão Kamchàtka, com oito personagens perdidas na cidade, cada qual com a sua mala de viagem (Sáb 11.00 no Mercado de Santa Clara e 15.00 no Largo da Graça, grátis); e a almoçarada de domingo, ao ar livre e com vista para o Tejo, preparada por cozinheiros de todo o mundo, da Eritreia a Angola, da Síria a Itália (Dom, 13.00, no Jardim Botto Machado).

Kamchàtka
Peter_Van_Der_Zouwen

Também não faltam visitas guiadas pelo bairro, que incluem lugares como os palácios dos Marqueses de Lavradio (Sex 14.30) e dos Condes de Barbacena (Sáb e Dom 15.00), o Liceu Gil Vicente (Sex 15.30, Sáb e Dom 16.30), as Oficinas Gerais de Fardamento e Equipamento do Exército (Sáb e Dom 15.30) ou o Panteão Nacional e Zimbório (Sáb e Dom 14.30) e a exposição fotográfica “São Vicente por Fora”, que mostra alguns dos segredos mais bem guardados do território que o festival ocupa (Qui 19.00-21.30, Sáb e Dom 14.00-19.00 nas Oficinas Gerais de Fardamento e Equipamento, Campo de Santa Clara. Entrada livre).

Para comemorar o número redondinho, conte ainda com o lançamento de um livro com fotografias das edições de 2009 a 2017 do Todos – Caminhada de Culturas. 

Vários locais. Qui-Dom

Últimas notícias

    Publicidade