Antigo Talho

Restaurantes Avenida da Liberdade/Príncipe Real
5 /5 estrelas
(1comentário)
antigo talho do Manzarra
Fotografia: Manuel Manso

Não se deixe enganar pelo logótipo com o porco à entrada. A única coisa literal no novo projecto do apresentador de televisão João Manzarra é o nome – isto é um antigo talho. “Veganizou” um Antigo Talho, perto do Marquês de Pombal, e abriu-o com uma cafetaria para almoços e lanches e loja multimarca, tudo inteiramente vegano. Todos os dias há um prato diferente, da responsabilidade de uma equipa comandada pela chef Filipa Ruas. É provavel apanhar um cuscus de vegetais, especiarias, frutos secos e baba ganoush, mas também pode calhar caril tailandês ou um pho vietnamita. O menu tem ainda wraps e quiches (que mudam semanalmente), bolos à fatia, bolas energéticas, sumos, kombucha e cervejas artesanais. “Mas sempre completamente vegano. Aqui só entram animais vivos e plantas”, garante João Manzarra.

Publicado:

Nome do local Antigo Talho
Contato
Endereço Avenida Duque de Loulé, 85
Lisboa
1050-045
Horário Seg-Sex 11.30-15.00/16.00-19.30, Sáb-Dom 11.00-16.00
Transporte Metro Marquês de Pombal BUS 712, 720, 753
É o proprietário deste estabelecimento?
Static map showing venue location

Average User Rating

5 / 5

Rating Breakdown

  • 5 star:1
  • 4 star:0
  • 3 star:0
  • 2 star:0
  • 1 star:0
LiveReviews|1
1 person listening
tastemaker

Absolutamente irrepreensível. Quando tudo corre bem numa refeição, quando somos positivamente surpreendidos prato após prato, sabemos que estamos num espaço muito bem conseguido e que merece todos os elogios do mundo. A começar pelo talho em si, a vontade é de levar tudo para casa (e acabou por acontecer mais ou menos isso). A viagem gastronómica começa com um atendimento excepcional, onde o cuidado com a formação do staff é claramente evidente. Educados, eficientes e disponíveis. Para entrada não podíamos passar ao lado dos croquetes de cozido com maionese de chouriço. De seguida a escolha recaiu sobre a alheira com arroz de grelos e o tom yum com leitão e lavagante. Para finalizar o doce de leite e amendoim fechou com chave de ouro. Todos os pratos, sem excepção, estavam fantásticos, bem executados e empratados, onde a qualidade dos ingredientes falava mais alto. É, sem dúvida, um dos grandes restaurantes de Lisboa que sobrevive à fama e continua a manter os padrões de excelência que já habituou os seus clientes. Os preços não são baratos, é verdade, mas também não caem no ridiculamente caro. Todos os euros que gastamos valem bem a experiência!


Opinião publicada na página do restaurante na Zomato.