Barrosã Hamburgueria

Restaurantes, Hambúrgueres Alvalade
2 /5 estrelas
2 /5 estrelas
(1comentário)
hamburgueria barrosã
1/2
hamburgueria barrosã
2/2

Numa cidade com mais hamburguerias que pedras da calçada, faz sentido procurar-se a diferença. E esta procurou. Os hambúrgueres são servidos no prato, usa-se batata doce de série e a carne é barrosã, ou seja, vem de uns bois magníficos com uns cornos compridos oriundos do planalto do Barroso, em Trás-os-Montes.

Para quem quiser fugir ao hambúrguer tem também várias peças da mesma carne DOP, dos nacos à costeleta.

Começou-se pelo cesto de couvert, com excelentes broas de chourição e outra de nozes e passas, bem como umas óptimas azeitonas britadas com orégãos e alho laminado.

Escolheu-se o hambúrguer “cereija”, com molho de gorgonzola. O prato era uma composição estética e geométrica, os elementos todos separados. A batata doce em chips, pimentos padrón, ovo de codorniz, esparregado, montículos de maionese feitos com saco de pasteleiro, outros de mostarda, e o hambúrguer, com o molho a tapá-lo.

Uma beleza para a foto, um desconsolo para a boca.

A batata doce não é para aqui chamada; o esparregado, um puré desmaiado e farinhento; o ovo de codorniz, útil como uma fonte seca; e o hambúrguer estava mais cozido do que assado e tinha um molho por cima que era uma mistura láctea com um cheirinho de gorgonzola.

No final, fiquei a pensar: eu quando quero um hambúrguer procuro uma coisa gordurosa e salgada e cheia de molhos, algo que me preencha o vazio que é a vida. Hambúrguer delicado é uma coisa tonta, não serve para nada.

Venha a costeleta de vitela Barrosã. Boas batatas a murro; bom arroz de feijão com chouriço abundante; boa ideia, mal concretizada, a das couves cozidas (com excesso de água); e a carne outra vez com falta de fogo, pecado mortal para quem gosta dela bem caramelizada (quem não gosta não a merece). O hambúrguer não vale, naturalmente, os 13,90€ que pedem por ele. Melhor negócio o da costeleta, apesar de tudo (15,90€), mas se puder fique-se pelo couvert de pães (1,95€) e pelas azeitonas (1,75€).

*As críticas da Time Out dizem respeito a uma ou mais visitas feitas pelos críticos da revista, de forma anónima, à data de publicação em papel. Não nos responsabilizamos nem actualizamos informações relativas a alterações de chef, carta ou espaço. Foi assim que aconteceu.

Por Alfredo Lacerda

Publicado:

Nome do local Barrosã Hamburgueria
Contato
Endereço Rua Luís Augusto Palmeirim, 11 D
Lisboa
1700-273
Horário Ter-Dom 12.00-00.00
Preço Até 30€
É o proprietário deste estabelecimento?
Static map showing venue location

Average User Rating

2 / 5

Rating Breakdown

  • 5 star:0
  • 4 star:0
  • 3 star:0
  • 2 star:1
  • 1 star:0
LiveReviews|1
1 person listening
Tastemaker

Desilusão. Como homem do norte, quis experimentar este aparentemente promissor restaurante. Este espaço é um exemplo do conceito interessante que não se testemunha na experiencia. Para começar, o restaurante é extremamente pequeno e barulhento. Os pratos são bonitos, coloridos e cuidados. Mas se os olhos ficam entusiasmados e a boca a salivar, rapidamente tudo se esmorece aquando das primeiras garfadas... a confeção não é a melhor. O sabor da carne dos hambúrgueres (ainda que acredite que seja efetivamente Barrosã DOP) não vai de encontro ao título. Além disso, o staff é pouco simpático, com uma pitada de arrogância (que eu pessoalmente odeio). 

Os preços, para a qualidade da refeição, são elevados. 

Não aconselho.